• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-25102016-123623
Documento
Autor
Nome completo
Rosana Andréa Gonçalves
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Wissenbach, Maria Cristina Cortez (Presidente)
Gebara, Alexsander Lemos de Almeida
Hernandez, Leila Maria Gonçalves Leite
Reginaldo, Lucilene
Santos, Patricia Teixeira
Título em português
Sociedades africanas frente à situação colonial europeia: o Estado Independente do Congo (1876-1908)
Palavras-chave em português
África central
Colonialismo europeu
Estado Independente do Congo
século XIX
Resumo em português
O Estado Independente do Congo foi reconhecido internacionalmente em 1885 como resultado da ação de representantes europeus em obter tratados de cessão de soberania junto às autoridades e chefes africanos da região da bacia do Congo. No entanto, a implantação de uma missão civilizadora, em consonância com os interesses comerciais do monarca belga Leopoldo II, não se deu sem conflitos, embates e resistências. A crueldade e a arbitrariedade que marcaram tal processo ecoaram na opinião pública internacional, gerando movimentos de denúncias sobre as violências que vitimaram as populações africanas. Este trabalho busca analisar as reações e acomodações ocorridas a partir da situação colonial que se impôs frente a um contexto no qual se faziam presentes múltiplas e variadas formas de organização política das sociedades africanas da região.
Título em inglês
African societies in the face of European colonial situation: the Congo Free State (1876-1908)
Palavras-chave em inglês
Central africa
Congo Free State
European colonialism
Nineteenth century
Resumo em inglês
The Congo Free State was internationally recognized in 1885 as a result of the action of European representatives in obtaining sovereignty transfer treaties with the African authorities and leaders of the Congo Basin region. However, the implementation of a "civilizing mission" aligned to the commercial interests of the Belgian king Leopold II, has not been without conflicts, struggles and resistances. The cruelty and arbitrariness that have marked this process echoed on the international public opinion, generating movements of complaints about violence toward the African populations. This work seeks to analyze the reactions and accommodations that followed the colonial situation that was imposed in a context in which were present multiple and varied forms of political organization of African societies in the region.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-10-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.