• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2013.tde-28062013-124712
Documento
Autor
Nome completo
Carine Dalmás
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Capelato, Maria Helena Rolim (Presidente)
Eugênio, Marcos Francisco Napolitano de
Ferreras, Norberto Osvaldo
Prado, Maria Ligia Coelho
Vallejos, Rolando Eugenio Alvarez
Título em português
Frentismo cultural em prosa e verso: comparações, conexões e circulação de ideias entre comunistas brasileiros e chilenos (1935-1948)
Palavras-chave em português
Brasil
Chile
Comunistas
Frentismo cultural
Historia comparada
Resumo em português
Esta tese analisa as relações dos comunistas brasileiros e chilenos com a literatura após a adoção do frentismo como diretriz do movimento comunista internacional, entre 1935 e 1948. Suplementos culturais de jornais partidários e revistas literárias ligadas ao Partido Comunista do Brasil e ao Partido Comunista do Chile foram tomadas como fontes de pesquisa. Identificamos propostas, projetos e colaboradores desses periódicos, cujas formulações demonstraram a preponderância do romance e da poesia como áreas que despertaram maior empenho de intervenção político-ideológica. O fundo antifascista da estratégia frentista contribuiu para a aproximação de expoentes culturais aos partidos comunistas e fez da imprensa partidária um espaço profícuo para a circulação de propostas literárias. Foi nesse período que Pablo Neruda se aproximou do Partido Comunista do Chile e que Jorge Amado promoveu os romances sociais brasileiros na América Latina. A maneira como as concepções literárias difundidas na imprensa partidária estabeleceram relações com uma perspectiva política comum, o frentismo, permitiu o estabelecimento de comparações e conexões políticas e culturais entre os comunistas do Brasil e do Chile.
Título em inglês
Cultural "frentismo" in prose and verse: comparisons, connections and circulation of ideas between Brazilian and Chilean communists (1935-1948)
Palavras-chave em inglês
Brazil
Chile
Communists
Comparative history
Cultural popular front
Resumo em inglês
This thesis analyzes the links between literature and Brazilian and Chilean communists following the adoption of the popular front as a guiding principle of the international communist movement between 1935 and 1948. Cultural supplements of party newspapers and literary magazines linked to the Brazilian Communist Party and the Chilean Communist Party were used as sources for the research. We identified the proposals, projects, and contributors of those periodicals whose formulations demonstrated the preponderance of novels and poetry as the areas that evoked the greatest degree of political and ideological intervention. The antifascist basis of the popular front strategy contributed to an approximation of cultural exponents and the communist parties and made the party press into a productive space for the circulation of literary proposals. It was during this period that Pablo Neruda drew closer to the Chilean Communist Party and Jorge Amado fostered Brazilian social novels in Latin America. The way in which the literary concepts publicized in the party press were linked with a common political perspective, the popular front, allowed for making comparisons and political and cultural connections between the Brazilian and Chilean communist parties.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-06-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.