• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.8.2009.tde-05022010-110307
Documento
Autor
Nombre completo
Irene da Silva Coelho
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2009
Director
Tribunal
Goldstein, Norma Seltzer (Presidente)
Ferreira, Luiz Antonio
Grillo, Sheila Vieira de Camargo
Louzada, Maria Silvia Olivi
Nóbrega, Maria Helena da
Título en portugués
Hibridismo do gênero crônica: discursividade e autoria em produções do E.F.II
Palabras clave en portugués
Autoria
Crônica
Gêneros
Interacionismo
Sequência didática
Resumen en portugués
Numa perspectiva teórica que parte dos pressupostos de Bakhtin (2000), Vygotsky (1996), estendendo-se a Bronckart (1999), Dolz e Schneuwly (2004), relata-se uma experiência didática aplicada a alunos da 8ª série do ensino fundamental com o gênero crônica, considerado um instrumento que pode ser empregado para o aprimoramento das habilidades de escrita e também da criticidade dos alunos, ou seja, para o desenvolvimento da capacidade linguístico-discursiva dos alunos. Para Schneuwly (2002), essa aprendizagem depende da apropriação dos utensílios da escrita e dos elementos constituintes dos gêneros e suas relações. No tocante à crônica, identificam-se, na materialidade linguística dos textos produzidos, as marcas que revelam alguns dos aspectos relacionados ao contexto de produção: aspectos enunciativos e organizacionais, vistos a partir dos pressupostos do interacionismo sócio-discursivo que propiciaram a observação de aspectos da produção de textos que dizem respeito à dimensão semântica e linguístico-discursiva dos textos. Verificou-se que o gênero crônica é um instrumento que possibilitou ao aluno expressar sua opinião, analisar criticamente os fatos que o rodeiam e aprimorar sua habilidade de escrita. Nas produções dos alunos ficaram evidentes: seu posicionamento, suas intenções - as ações que podem ser realizadas por meio do uso da linguagem e os diferentes efeitos de sentido produzidos. O trabalho foi desenvolvido por meio de uma sequência didática que procurou salientar as características, os parâmetros do gênero e, assim proporcionar aos alunos situações para que eles refletissem sobre a crônica e sobre os diferentes modos de organização do gênero. A análise das crônicas produzidas pelos alunos revelou a assimilação dessas características e de marcas de autoria e estilo, traços que revelam o trabalho de escrita empreendido pelo aluno e o efeito da sequência didática. Para Bronckart, os gêneros textuais veiculam representações ou conhecimentos que estão disponíveis no intertexto e foram elaborados por gerações anteriores ou contemporâneas que as semiotizaram.
Título en inglés
Hybridism of the chronicle genre: discursive and authorship of productions on 8th grade classes, Fundamental Teaching
Palabras clave en inglés
Authorship
Chronicle
Educational sequence
Genres
Interactionism
Resumen en inglés
In a theoretical perspective which started from the presuppositions of Bakhtin (2000), Vygotsky (1996), extend as far as Bronckart (1999), Dolz and Schneuwly (2004) reports an educational experience applied to pupils of the 8th grades on fundamental teaching with the chronicle genre, considered a way that can be used to improve writing skills and also pupils criticism, in other words, to the development of discursive language ability of these pupils. For Schneuwly (2002), this apprenticeship depends on the appropriation of the writing tools and on the elements of this genre and their relations. Regarding the chronicle, aspects are identified, in the linguistic materiality of the produced texts, the tools show some of the aspects relating to the context of the production: enunciatively and organizational aspects, which concern the semantic and language discursive dimension. It was checked that chronicle genre is one of the tools that let the pupils express their own opinions, analyze the facts around them and improve their writing skills. In the pupils' productions they were obvious: their positioning, their intentions - the actions can be carried out by the language use and the different effects of the produced sense. This paper was developed by an educational sequence that aims to point out the characteristics of the genre and makes pupils think about the different ways of genre organizing. The analysis of chronicles produced by the pupils revealed the assimilation of these characteristics and the authorship and style registration. For Bronckart, the textual genre shows us knowledge available in the intertext and they were prepared by previous or contemporary generations, on a semiotics way.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
IRENE_SILVA_COELHO.pdf (17.32 Mbytes)
Fecha de Publicación
2010-02-19
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2021. Todos los derechos reservados.