• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.8.2012.tde-28062012-093354
Documento
Autor
Nombre completo
Eliana Vasconcelos da Silva Esvael
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2012
Director
Tribunal
Correa, Manoel Luiz Goncalves (Presidente)
Brandao, Helena Hathsue Nagamine
Goldstein, Norma Seltzer
Komesu, Fabiana Cristina
Pietri, Emerson de
Título en portugués
A construção do ponto de vista dominante na escrita de pré-universitários
Palabras clave en portugués
construção de pontos de vista
escrita
estratégias argumentativas
mobilização de saberes
redação de vestibular
Resumen en portugués
Esta pesquisa tem por objetivo investigar um aspecto particular na produção escrita de estudantes pré-universitários, a saber: a construção de pontos de vista e, especificamente, do ponto de vista dominante, em 270 redações do exame vestibular da FUVEST/2006. Como fundamentação teórica, tomo as redações de vestibular sob duas perspectivas: 1) a enunciativa, a fim de identificar os pontos de vista presentes no texto por meio da hierarquização dos diferentes enunciadores; e 2) a discursiva, que permite observar como os diferentes saberes, mobilizados pelo escrevente, intervêm nas ligações e nas fissuras argumentativas do texto para construir pontos de vista e, especificamente, o ponto de vista dominante. Por meio dessa abordagem, enunciativo-discursiva, identifico os posicionamentos enunciativos do escrevente e seus desdobramentos discursivos. A análise das redações que envolve a organização argumentativa interna ao texto e sua relação com os tipos de saberes mobilizados em sua construção exige dois procedimentos articulados: um olhar para redação de vestibular como gênero, acatando sua constituição heterogênea e suas regularidades na organização argumentativa do texto; outro olhar, para descrever os desdobramentos discursivos dessa organização, buscando nos modos de qualificação as representações dos posicionamentos do escrevente. Os resultados revelaram que o exame vestibular, concebido como um evento de letramento, comprova as relações dialógicas determinadas por uma situação de produção que é regulada socialmente. O escrevente, fruto da interação social, se apoia discursivamente nos saberes escolares e extraescolares por ele mobilizados e elege os elementos qualificadores como importante estratégia argumentativa na construção de pontos de vista e, primordialmente, na construção do ponto de vista dominante. A construção do ponto de vista dominante se estabelece a partir do diálogo com outros pontos de vista. O diálogo com os textos da coletânea do exame foi preponderante nessa construção e o recurso à mobilização de saberes de esferas diferentes das da coletânea fortaleceu o efeito polifônico da construção do ponto de vista dominante, mostrando que ela é resultado do modo como o escrevente lê e interpreta esses textos; moldado por suas práticas letradas escolares e extraescolares e regulado por suas representações. Esses fatos comprovam a importância do ensino e da aprendizagem da linguagem escrita por meio de um gênero, considerando seus aspectos enunciativos e discursivos.
Título en inglés
The construction of the dominante point of view in the writhing of pre-college
Palabras clave en inglés
argumentative strategies
construction of points of view
mobilization of knowledge
vestibularessays
writing
Resumen en inglés
This research has for objective to investigate a particular aspect in the written production of students who are going to take the exame for college entrance: the construction of points of view and, specifically, of the dominant point of view in 270 vestibularessays of FUVEST of the college entrance exam/2006. As a theoretical basis, I take the college entrance exam essays from two perspectives: 1) the enunciative, to identify the points of view in the text through the hierarchy of different enunciators, 2) the discursive, which will observe how the different knowledge, mobilized of different spheres of activities, intervine in the linkings involved in the fissures of the argumentative text to build points of views and, specifically, the dominant point of view. The analysis of the essays, which involves the internal organization of argument to the text and its relation to the types of knowledge mobilized in its construction, articulated requires two procedures: a look at writing as a genre, respecting its constitution and its heterogeneous regularities, and observing primarily the presence of qualifying elements, as argumentative strategy, another look, to describe the consequences of this discursive organization, looking at ways of qualifying the representations of the positions of the subject. The results revealed that the exame for college entrance, designed as a literacy event, proves the dialogical relations determined by a production situation that is socially regulated. The subject supports discursively on the school knowledge and extra-school knowledge mobilized by him and chooses the qualifying elements as important argumentative strategy in the construction of points of view and primarily in the construction of the dominant point of view. The dialogue with the texts supplied for the exame was predominant in this construction, showing that it is the result of how the subject reads and interprets these texts. It is shaped by their writing practices of which the students participated during his life as a subject and it is regulated by representations. These facts demonstrate the importance of teaching and learning of written language through a genre, considering its enunciative and discursive aspects.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2012-06-28
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.