• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.8.2014.tde-11112014-193748
Documento
Autor
Nombre completo
Sandro Figueredo
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2014
Director
Tribunal
Meireles, Selma Martins (Presidente)
Dietrich, Ana Maria
Dornbusch, Claudia Sibylle
Pietroforte, Antonio Vicente Seraphim
Valente, Heloísa de Araújo Duarte
Título en portugués
A questão identitária alemã refletida em canções
Palabras clave en portugués
Alemanha
Alteridade
Canção
Identidade
Semiótica
Resumen en portugués
A questão da identidade é um dos temas mais estudados e debatidos no mundo globalizado. Neste cenário, a discussão em torno da identidade nacional ocupa lugar de destaque. Na pesquisa de doutorado intitulada "A Questão Identitária Alemã Refletida Em Canções", partimos da constatação empírica de que o tema identitário é algo recorrente nas letras de canções alemãs. Com base nesta observação, elaboramos a tese de que a presença da relação "identidade x alteridade" na canção alemã é reflexo de uma problemática identitária manifestada na própria sociedade daquele país, em decorrência das inúmeras transformações observadas em dois séculos de sua história. Para investigar o fenômeno, montamos um corpus constituído de 100 canções alemãs, compostas no período entre 1810 e 2010. A análise do corpus foi dividida em quatro grupos, cada um deles fazendo referência a um espaço de tempo específico da História alemã, a saber: a Alemanha entre 1810 e 1933, a Alemanha durante do regime nazista (1933-1945), a Alemanha do pós-guerra e, por fim, a Alemanha reunificada. Iniciamos a análise de nosso corpus detectando o modo como a relação identidade x alteridade era abordada nos textos das canções, de modo a que viéssemos a detectar padrões identitários característicos. De posse dos dados obtidos pela análise do corpus do estudo, estabelecemos a comparação com a narrativa histórica alemã do mesmo período. A comparação nos mostrou haver correlações entre os padrões manifestados nos textos das canções e ocorrências históricas, de modo a concluirmos que eles possuem origem em aspectos políticos, culturais e sociais da Alemanha. O resultado de nossas análises foi a constatação de que a presença do tema nas canções se deve ao fato de que o discurso identitário alemão precisar ser constantemente reforçado e comunicado aos sujeitos, uma vez que, ao longo do espaço de tempo analisado, a própria ideia de nação alemã sofreu inúmeras transformações. Como base teórica da pesquisa, adotamos os modelos e as ferramentas de análise da Semiótica, em especial a Semiótica do Discurso, assim como elementos da musicologia, como o conceito de paisagem sonora (Murray Schafer)
Título en inglés
The question of German identity reflected in songs
Palabras clave en inglés
Germany
Identity
Otherness
Semiotic
Song
Resumen en inglés
The question of identity is one of the most studied and debated issues in the globalized world . In this sense, the discussion about national identities occupies a prominent place. In the research entitled "A Questão Identitária Alemã Refletida Em Canções" (The Question of German Identity Reflected In Songs " we start from the empirical observation that the identity is a recurring theme in the lyrics of German songs . Based on this observation, we developed the thesis that the presence of the relationship "identity x otherness" in German song reflects an identity problem manifested itself in the society of that country, due to the many changes observed in two centuries of its history . To investigate this phenomenon, we set up a corpus of 100 German songs , composed in the period between 1810 and 2010. The analysis of the corpus was divided into four groups, each one referring to a specific time of the German history, namely Germany between 1810 and 1933, Germany during the Nazi Regime (1933-1945), Germany postwar and, finally, the reunited Germany. We begin the analysis of our corpus detecting how the relationship " identity x otherness " was addressed in the texts of the songs , so that we were to detect patterns characteristic of identity . Having the data obtained by analysis of the corpus, we establish a comparison with the German historical narrative of the same period. The comparison showed us that there are correlations between the patterns manifested in the texts of the songs and historical events, in order to conclude that they have origin in political , cultural and social aspects of Germany. The result of our analysis was the finding that the presence of the theme in songs is due to the fact that German identity discourse needs to be constantly reinforced and communicated, because German nation has undergone numerous transformations . As theoretical basis of the research , we adopt the models and analysis tools of semiotics, in particular of the Discourse Semiotics, as well as elements of musicology, as the concept of soundscape ( Murray Schafer )
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2014-11-11
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.