• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2013.tde-23092013-122656
Documento
Autor
Nome completo
Marcos Antônio Alves Araújo Filho
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Battaglia, Maria Helena Voorsluys (Presidente)
Glenk, Eva Maria Ferreira
Schröder, Ulrike Agathe
Título em português
Verbos com o prefixo ver- na língua alemã: uma análise construcionista
Palavras-chave em português
Gramática de construções
Hip hop
Neologismos
Prefixo ver-
Teoria da mesclagem
Resumo em português
O prefixo ver- já foi tema de estudo para diversos linguistas que se dedicam à língua alemã (LEOPOLD, 1907; SCHIRMEIER, 2006, entre outros). O caráter polissêmico desse prefixo é o grande motivo para tamanho interesse. Diferentemente dos trabalhos citados, esta dissertação analisa novas formações verbais com o prefixo ver-, a fim de descobrir regularidades, tanto semântica quanto morfológicas no processo de formação dos verbos. Para tanto, pesquisamos novos verbos ainda não lexicalizados em um sítio eletrônico (http://www.deflok.de/HipHopLyrics/Texte/), composto por letras de música do hip hop alemão. Assim, o endereço virtual foi tomado como corpus para a tarefa. A busca permitiu encontrar doze novos verbos: verbassen, verspeien, verpeilen, verchecken, verächten, verkreuzen, verstumpfen, vergaukeln, verschlendern, vernabeln, verreimen, verstottern. Para tanto, os dicionários DUDEN (www.duden.de), Langescheidt (versão digital) e PONS (versão digital) foram usados como ferramenta de exclusão lexicográfica. O dicionário DUDEN funcionou também como fonte para conhecer as acepções que o prefixo ver- imprimia nos derivados em que se encontrava. O arcabouço teórico usado teve como base os conceitos da teoria da gramática de construções, a partir de GOLDBERG (1995) que permitiram conhecer novas propostas de interpretação dos mecanismos envolvidos na formação dos verbos com o prefixo ver. Ademais, recorremos à teoria da mesclagem de FAUCONNIER & TURNER (2003) para explicar a construção de sentido de determinados verbos, uma vez que essa permitia explorar aspectos não contemplados pela teoria da gramática de construções.
Título em inglês
Verbs with the prefix ver- in German language: a constructionist analysis
Palavras-chave em inglês
Blending theory
Constructions grammar
Hip hop
Neologisms
Prefix ver-
Resumo em inglês
The prefix ver- has already been a theme of many linguistics (LEOPOLD, 1907; SCHIRMEIER, 2006, and others), that are dedicated to German language. The polissemic aspect from this prefix is the main reason for such a big interest. Unlike those authors, with this paper I analyse new verbal formations with the prefix ver- in order to discover semantic as well as morphological regularities in the process of verbal formations. Therefore, I researched new not yet lexicalized verbs in a website (http://www.deflok.de/HipHopLyrics/Texte/), composed of hip hop lyrics in German. The web address was treated as the corpus. Twelve new verbs were detected: verbassen, verspeien, verpeilen, verchecken, verächten, verkreuzen, verstumpfen, vergaukeln, verschlendern, vernabeln, verreimen, verstottern. In order to verify that these verbs were not yet lexicalized we used the following dictionaries: DUDEN (www.duden.de) and the digital version of Langenscheidt, and PONS. The dictionary DUDEN also served to specify the different meaning, that the prefix ver- gives to the derivates, in which it is part of. The theoretical support is based on the terms and definitions of the construction grammar (Goldberg, 1995), that allowed to get a new point of view about the mechanisms involved in the verb formation with the prefix ver-. Complementary I employed the definitions proposed by FAUCONNIER & TURNER (2003) to explain the meaning of certain neologism to which the construction grammar theory could not be applied.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2013-09-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.