• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Fernanda do Nascimento Simões Lopes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Gasparini, Pablo Fernando (Presidente)
Jasinski, Isabel Cristina
Minelli, María Alejandra
Olmos, Ana Cecilia Arias
Título em português
Ocio, de Fabián Casas: uma literatura do presente
Palavras-chave em português
Captação do presente
Escritura do imediato
Intimidade
Literatura argentina
Ritmo
Resumo em português
Este trabalho, que tem como corpus de análise principal a nouvelle Ocio (2000), do escritor argentino Fabián Casas, pretende indagar as possibilidades de um tipo de linguagem que compreenderia (e daria voz a) uma espécie de efeito de realidade do momento presente ou a captação do presente em seu instante , uma ideia compartilhada por vários críticos contemporâneos a partir da análise de narrativas recentes. Para isso, serão abordadas, tanto em Ocio quanto em outros textos produzidos por Casas (poesia, diário, novela), questões como: o movimento objetivista argentino, que aponta para algumas experiências de enunciação (o ato de dar a ver, os exercícios do olhar); a cultura e os tipos de escritura do imediato; a inscrição de uma prosa-sujeito rítmica, especialmente a partir das postulações sobre ritmo de Henri Meschonnic; e os discursos da intimidade e da memória, ressaltando aspectos como o luto e o ócio.
Título em espanhol
Ocio, de Fabián Casas: una literatura del presente
Palavras-chave em espanhol
Captación del presente
Escritura del imediato
Intimidad
Literatura argentina
Ritmo
Resumo em espanhol
Este trabajo, que tiene como corpus de análisis principal la nouvelle Ocio (2000), del escritor argentino Fabián Casas, tiene la pretensión de indagar las posibilidades de un tipo de lenguaje que comprendería (y daría voz a) una especie de efecto de realidad del momento presente o la captación del presente en su instante , una idea compartida por varios críticos contemporáneos a partir del análisis de narrativas recientes. Para ello, se abordarán, tanto en Ocio como en otros textos producidos por Casas (poesía, diario, novela corta), cuestiones como: el movimiento objetivista argentino, que apunta a algunas experiencias de enunciación (el acto de dar a ver, los ejercicios de la mirada); la cultura y los tipos de escritura del inmediato; la inscripción de una prosa-sujeto rítmica, sobre todo a partir de las postulaciones sobre el ritmo de Henri Meschonnic; y los discursos de la intimidad y de la memoria, resaltando aspectos como el luto y el ocio.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-06-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.