• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2014.tde-30042014-121219
Documento
Autor
Nome completo
Benivaldo José de Araújo Júnior
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Gonzalez, Neide Therezinha Maia (Presidente)
Sebold, Maria Mercedes Riveiro Quintans
Varalla, Mirta María Groppi Asplanato de
Viotti, Evani de Carvalho
Yokota, Rosa
Título em português
Limites precisos ou fronteiras que desaparecem? as construções impessoais e passivas com o clítico SE/SE no português brasileiro e no espanhol
Palavras-chave em português
Construções impessoais com SE/SE
Construções passivas com SE/SE
Estudos contrastivos espanhol-português brasileiro
Gramática cognitiva
Linguística de Corpus
Resumo em português
Este trabalho tem como objetivo realizar um estudo constrastivo das construções impessoais e passivas com o clítico SE/SE no espanhol e no português brasileiro. A hipótese central deste estudo é que as passivas com SE/SE passaram a ser interpretadas como impessoais nas duas línguas, porém com diferentes implicações: no espanhol, o clítico SE se mantém; no português brasileiro, esse clítico se apaga em alguns casos e, em outros, sinaliza um sujeito humano genérico na construção. A partir dessa hipótese e utilizando como referencial teórico a Gramática Cognitiva (LANGACKER, 1991; KEMMER, 1993, 1994; MALDONADO, 2006, 2012), são examinados os critérios sintáticos e semânticos que possibilitam reconhecer as passivas e impessoais, considerando sua coexistência com outras construções com clíticos, especialmente as reflexivas e as médias. Igualmente, são avaliados alguns fenômenos relacionados às passivas e impessoais nas duas línguas, tais como a perda da concordância verbal, a supressão do clítico em construções finitas e sua inserção em construções infinitivas. O trabalho se divide em três partes. O primeiro capítulo trata da fundamentação teórica e discute conceitos importantes na análise, tais como os modelos cognitivos de conceitualização, a transitividade e a elaboração de eventos. O segundo capítulo descreve as passivas e impessoais com SE/SE no espanhol e no português brasileiro, enfatizando as tendências comuns e as assimetrias dessas construções em ambas as línguas. O terceiro capítulo analisa o comportamento das passivas e impessoais com SE/SE em dois corpora de falantes nativos, um para o espanhol e outro para o português brasileiro. Os resultados obtidos na análise dos corpora confirmam a baixa produção dessas construções no português brasileiro e sugerem que tal fenômeno está relacionado com mudanças de conceitualização nessa língua.
Título em inglês
Precise limits or disappearing borders? impersonal SE/SE and passive SE/SE constructions in Brazilian Portuguese and Spanish
Palavras-chave em inglês
Cognitive grammar
Contrastive studies Spanish-Brazilian Portuguese
Corpus linguistics
Impersonal SE/SE constructions
Passive SE/SE constructions
Resumo em inglês
The objective of this research is to conduct a contrastive study of impersonal SE/SE and passive SE/SE constructions in Spanish and Brazilian Portuguese. The main hypothesis of this study is that the usage of passive SE/SE came to be interpreted as impersonal in both languages, although, with different implications: in Spanish, the clitic SE is maintained; in Brazilian Portuguese, it is suppressed in some cases and, in others, it signalizes a human generic subject in the construction. Having this hypothesis in mind and using Cognitive Grammar (LANGACKER, 1991; KEMMER, 1993, 1994; MALDONADO, 2006, 2012) as theoretical framework, it has been examined syntactic and semantic criteria which make it possible to recognize passives and impersonals, considering their coexistence with other clitic constructions such as reflexives and middles. Moreover, some phenomena related to passives and impersonals, in both languages, are also assessed: the loss of verb agreement, clitic suppression in finite constructions and its insertion in infinitive constructions. This study is divided into three parts. In the first chapter, it is discussed the theoretical basis and important concepts in the analysis, such as the cognitive models of conceptualization, transitivity and elaboration of events. In the second chapter, it is described passive SE/SE and impersonal SE/SE constructions in Spanish and Brazilian Portuguese, and it is also highlighted common tendencies and asymmetries in both languages. In the third chapter, it is analysed the way SE/SE passive and impersonal constructions are produced in two native speakers' corpora, one for Spanish and other for Brazilian Portuguese. As a result, after extensively corpora analysis, it is confirmed a low production of those constructions in Brazilian Portuguese and it may suggest that such phenomenon is related to conceptualization changes in this language.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-04-30
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.