• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2019.tde-25022019-105502
Documento
Autor
Nome completo
Vinicius Cherobino Brunette
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Soares, Marcos Cesar de Paula (Presidente)
Andrade, Fabio Rigatto de Souza
Fragelli, Pedro Coelho
Kruger, Patricia de Almeida
Título em português
Do narrar à beira da morte: uma leitura crítica de Malone Dies, de Samuel Beckett
Palavras-chave em português
Literatura inglesa
Literatura irlandesa
Narração
Samuel Beckett (1906-1989)
Resumo em português
Publicado em 1956 em inglês, Malone Dies foi o segundo romance do que se convencionou chamar de trilogia de romances do pós-guerra de Samuel Beckett. O presente trabalho estuda como o narrador em primeira pessoa, Malone, cria, ao longo das mais de 120 páginas, um tipo de narrar diferente, recheado de incertezas com base na aporia e na memória em frangalhos, o que leva o leitor a um terreno pantanoso em que as antigas certezas do romance tradicional foram eliminadas. O objetivo desta dissertação está em explorar como a materialidade histórica tanto do período de produção do romance, a Segunda Guerra Mundial na França ocupada, quanto o da sua publicação, imediatamente após o encerramento do conflito, são pontos cruciais para esse novo tipo de narração desenvolvido por Samuel Beckett. Paralelamente, este projeto tenta dar a sua pequena contribuição ao movimento crítico de resgate empirista realizado por uma série de críticos beckettianos que, nos últimos anos, passaram a se focar na materialidade histórica da produção do romancista e enfrentar a ideia até então consensual de que Samuel Beckett era um autor a-histórico e focado apenas em questões metafísicas.
Título em inglês
To narrate on the brink of death: a critical reading of Malone Dies
Palavras-chave em inglês
English literature
Irish literature
Narration
Samuel Beckett (1906-1989)
Resumo em inglês
Malone Dies was published in 1956 in English, being the second novel of what became Samuel Becketts trilogy. This work aims to study how the first person narrator, Malone, is able to establish, in 120 pages, a different kind of narration, full of uncertainties based upon aporia and in his memory in shambles, which leads the reader to an unstable ground in which the old certainties of the traditional novel are eliminated. The main goal of this dissertation is to explore how the historical materiality of both the period of the novels writing, the Second World War in occupied France, and that of its publication, soon after the war ended, are crucial points to this new type of narration developed by Samuel Beckett. At the same time, this project attempts to make its small contribution to the empiricist trend developed by many Becketts scholars which, in the last years, have focused on the historical materiality of the novelists production to confront the hitherto consensual idea that Samuel Beckett was an ahistorical author, focused only in metaphysical issues.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-02-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.