• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2016.tde-09082016-084758
Documento
Autor
Nome completo
Silvana Azevedo de Almeida
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Baccin, Paola Giustina (Presidente)
Maggio, Giliola
Rebechi, Rozane Rodrigues
Título em português
O léxico da cozinha italiana em São Paulo: autenticidade e adaptação nos restaurantes paulistanos
Palavras-chave em português
Cantina
Cozinha italiana
Léxico
Restaurante
São Paulo
Resumo em português
Nos últimos anos, a gastronomia italiana presente em São Paulo sofreu grandes transformações. Chefs com experiência internacional assumiram cozinhas típicas da cidade e passaram a propor uma culinária mais vinculada às regiões italianas. Com o objetivo de pesquisar as escolhas lexicais que definem a linguagem da gastronomia italiana em seus vários segmentos, optamos por dar voz aos profissionais do setor. Para tanto, entrevistamos chefs de cozinha, proprietários de restaurantes e um representante da Accademia Italiana della Cucina, entidade que tem o compromisso de certificar os restaurantes que se dedicam à tradicional cozinha da Itália na cidade. Nesse processo, foram ouvidos dezessete personagens em 35 horas de entrevistas, com o intuito de verificar se a autenticidade ou adaptação de pratos e ingredientes se reflete nas escolhas lexicais. Por meio desses relatos, que envolveram trajetórias de vida e experiências à mesa, também registramos uma parte da história da gastronomia italiana em São Paulo ponto de apoio para compreender melhor o atual cardápio dessa culinária na capital paulista. A partir do corpus reunido, oito personagens, representantes dos segmentos cantinas e restaurantes italianos, tiveram seus perfis analisados para este trabalho. Os resultados evidenciam uma cozinha pautada, inicialmente, nos sabores do Sul da Itália, com um léxico adaptado e distorcido em decorrência da falta de uma correspondência entre produtos e cultura alimentar dos dois países. Podemos citar como exemplo o filé à parmegiana, receita sem paralelo na Itália. Mais recentemente, observa-se o empenho de vários profissionais no sentido de imprimir um pouco mais de rigor no tratamento do léxico presente nos cardápios, com respeito à língua italiana e à cultura regional gastronômica daquele país.
Título em inglês
The lexicon of Italian cuisine in São Paulo: authenticity and adaptation in the state capital restaurants
Palavras-chave em inglês
Cantina
Lexicon
Regional Italian cuisine
Restaurant
São Paulo
Resumo em inglês
In recent years, Italian cuisine served in São Paulo has undergone major changes. Internationally experienced chefs took over typical restaurants in the city and began to propose a cuisine which is rooted in Italian regions. By giving voice to professionals in the area, the aim of this research is to investigate Italian cuisine lexicon in different areas. We then interviewed chefs, restaurant owners and a delegate of Accademia Italiana della Cucina, an academy which has the task of certifying the restaurants dedicated to traditional Italian cuisine in São Paulo. Seventeen interviews, totalizing 35 hours of recording, were carried so that we could verify if authenticity or adaptation of dishes and ingredients is reflected in lexical choices. Through these reports, involving life stories and experiences at the table, we also registered a part of the history of Italian cuisine in São Paulo foothold to better understand the current menu of this cuisine in the state capital. From the corpus, eight members, representing cantinas and Italian restaurants, had their profiles analyzed for this work. Results show a cuisine in line with southern flavors of Italy, with an adapted and distorted lexicon due to the lack of correspondence between products and food culture in both countries. As an example, we mention filé à parmegiana [steak parmigiana], a recipe which is unknown in Italy. More recently, many professionals are committed to giving more attention to the lexicon on menus, aiming to respect Italian language and gastronomic regional culture.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-08-09
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.