• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2017.tde-26052017-113355
Documento
Autor
Nome completo
Celio Aparecido Garcia
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Maggio, Giliola (Presidente)
Batista, Sueli Soares dos Santos
Cavallari, Doris Nátia
Honorio, Alessandra Regina Ribeiro
Ortale, Fernanda Landucci
Título em português
As línguas minoritárias vêneta e tretinta em Jundiaí: memória e pertencimento
Palavras-chave em português
Análise do Discurso
Língua minoritária
Língua Standard
Silenciamento
Substituição
Resumo em português
A presente pesquisa tem como contexto linguístico dois bairros da cidade de Jundiaí, formados inicialmente por imigrantes italianos. Desse modo, buscamos responder a seguinte pergunta de pesquisa: como a língua italiana, por meio da memória e do sentimento de pertencimento, se faz presente nas representações sociais das comunidades dos bairros Traviú e Colônia? Este trabalho se justifica pelo fato de, ainda, não existirem pesquisas com base científica sobre as variedades linguísticas das comunidades acima destacadas. Portanto, a tese tem como objetivo central realizar um estudo nesse local para analisar os processos de silenciamento e substituição, oriundos dos contatos entre a língua materna (o português), e língua de imigração (as línguas minoritárias de diferentes regiões da Itália que ali chegaram com os imigrantes). A análise tem como base a modalidade oral, coletada por meio de entrevistas com os descendentes, e a escrita, com base nos poucos registros escritos e preservados, nas variedades da língua italiana ou na língua italiana standard. Os resultados deste trabalho são apresentados com base nas particularidades evidentes nos excertos analisados, em relação às pesquisas referentes ao contato linguístico entre a língua materna brasileira e as línguas dos imigrantes, em nosso caso o português brasileiro e as variedades da língua italiana. Conjuntamente, faz parte desta investigação uma reflexão sobre as dissertações, delimitadas à análise lexical, coordenadas pelo Programa de Língua, Literatura e Cultura Italianas, da Universidade de São Paulo, para destacarmos um estudo que apresente outras possibilidades de estudar as confluências, o silenciamento, a substituição e o quadro atual desses acontecimentos nas comunidades discursivas analisadas. Para tanto, nosso referencial teórico está embasado nos conceitos da Análise do Discurso de linha francesa, iniciados por Michel Foucault, sistematizados por Michel Pêcheux e, no Brasil, a contribuição de Eni Pulcinelli Orlandi. Nas análises do corpus de nosso estudo, verificamos que o processo lento de silenciamento das variedades da língua italiana se afirma com a falta de interlocutores, no entanto, o sentimento de pertencimento, a memória e a busca pela ascendência, têm contribuído para o estudo da língua italiana standard, apresentando um quadro que procura valorizar e registrar o que ainda se faz presente nas comunidades discursivas dos bairros Colônia e Traviú, de Jundiaí SP. Dados que, assim, formam o patrimônio linguístico imaterial com sentidos e valores não substituídos por outros signos linguísticos em tais comunidades.
Título em inglês
The minority languages of Venetian and Ladin in the city of of Jundiaí: memory and belonging
Palavras-chave em inglês
Discourse Analysis
Minority language
Silencing
Standard language
Substitution
Resumo em inglês
This research sets its linguistic context in two districts of the city of Jundiaí, in the state of São Paulo, Brazil. Such districts were initially formed by immigrants of Italian descent. Thereby, we seek to answer the following research question: how is the Italian language, by means of memory and the feeling of belonging, present in the social representations of the communities of these districts of Traviú and Colônia? This research is relevant due to the fact that, so far, no scientifically based research has been made on the linguistic varieties in the communities aforementioned. Thus, the main objective of this thesis is to study the processes of silencing and substitution arising from the contact between the mother tongue (Portuguese), and the immigrants languages (several varieties of the Italian language from different minorities coming from different parts of Italy). This analysis is based on the oral modality, collected through interviews conducted with descendants, and through the writing modality, based on the few preserved written samples of the Italian varieties or the standard Italian. The results presented here are based on the specificities found in the excerpts analyzed, concerning researches on the linguistic contact between the Brazilian mother tongue and the immigrants languages, or, for us, the Brazilian Portuguese and the Italian language varieties. It is also part of this research, considerations on the dissertations which are limited to the lexical analysis, under the coordination of the Program of Italian Culture, Literature and Language in the University of São Paulo, so as to bring into focus a study that presents other possibilities for studying the convergences, the silencing, the substitution and the current status of such events in the discursive community studied. For such purpose, our theoretical framework is based on the French School of Discourse Analysis, which began with Michel Foucault and was systematized by Michel Pêcheux and which counts with the contributions of Eni Pulcinelli Orlandi in Brazil. In the analyses of the corpus studied we found that the slow process of silencing of the Italian language varieties occurs through the lack of interlocutors, although, the feeling of belonging, the memory and the research of ancestry have been contributing to the studies of the standard variety of the Italian language, revealing a scenario where it is sought to value and register what is still present in the discursive communities in the Colônia and Traviú districts. Such data thus, constitutes the immaterial linguistic heritage with meanings and values that are not substituted by other linguistic signs in those communities.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-05-26
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.