• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2010.tde-28012011-092444
Documento
Autor
Nome completo
Antonio Marcos Moreira da Silva
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Facioli, Valentim Aparecido (Presidente)
Durão, Fabio Akcelrud
Passos, Gilberto Pinheiro
Rodriguez, José Rodrigo
Siscar, Marcos Antonio
Título em português
O devir da escrita e o princípio ontológico da identidade em Dom Casmurro
Palavras-chave em português
Desconstrução
Devir
Dom Casmurro
Escrita
Identidade
Resumo em português
O tema da identidade promoveu muitas pesquisas sobre a obra de Machado de Assis. Tal tema está ancorado numa questão ontológica. Buscando evitar essa questão, a noção de devir nos permitiu uma mudança de perspectiva. A vontade de saber sobre a personagem Capitu, presente em muitos teóricos, pareceu-nos um sintoma do privilégio da ontologia em relação à reflexão sobre a alteridade. Pensamos que essa vontade de saber é uma forma específica para assimilar o outro. A narrativa de Casmurro pretende dar uma identidade a Capitu, contrapondo, de forma binária, uma verdadeira Capitu a outra dissimulada. Em função disso, constrói uma lógica causal comprometida com a preocupação ontológica. Impotente diante da alteridade do outro, a consciência do narrador se ressente. Acreditamos que ele escreve como meio de lidar com o ressentimento na sua experiência do passado. Essa escrita, que também lhe escapa como a alteridade do outro, pode proporcionar uma ruptura com a moral do ressentimento, projetando no porvir uma expectativa de modificação. Para tal, recorremos à teoria de Jacques Derrida a fim de demonstrar o devir da escrita no romance Dom Casmurro de Machado de Assis e seu poder transformador.
Título em inglês
The becoming of writing and the ontological principle of identity in Dom Casmurro
Palavras-chave em inglês
Becoming
Deconstruction
Dom Casmurro
Identity
Writing
Resumo em inglês
The theme of identity produced much research on the work of Machado de Assis. This theme is based on an ontological question. On the attempt to avoid this issue, the notion of becoming allowed a different perspective. The desire to know about the character Capitu, observed in many theorists, seemed a symptom of the privilege of ontology in relation to reflection on otherness. We think that this desire to know is a specific way to assimilate the other. The narrative of Casmurro aims to give an identity to Capitu, in contrast, in binary form, a real Capitu to an other dissembled. As a result, it builds a causal logic committed to the ontological concern. Powerless against the otherness of the other, the consciousness of the narrator resents. We believe that he writes as a means of dealing with the resentment in his own experience of past. This writing, which also eludes him as the otherness of the other, can provide a disruption with the moral of the resentment, projecting on the time to come an expectation of some change. With this objective, we use the theory of Jacques Derrida to demonstrate the becoming of the writing in the novel Don Casmurro from Machado de Assis - and its transformative power.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-01-28
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.