• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2013.tde-14022014-122111
Documento
Autor
Nome completo
Mauro Dunder
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Bridi, Marlise Vaz (Presidente)
Esteves, Antonio Roberto
Peixoto, Maria Helena Fioravante
Simas, Monica Muniz de Souza
Trevisan, Ana Lucia
Título em português
Entre prodígios, murmúrios e soldados: o romance de Lídia Jorge
Palavras-chave em português
Lídia Jorge
Literatura portuguesa pós-1974
Metaficção historiográfica
Metanarrativa
Romance português contemporâneo
Resumo em português
A obra de Lídia Jorge, iniciada em 1980, com a publicação de O dia dos prodígios, constitui um dos mais significativos e relevantes conjuntos de escritos da literatura portuguesa contemporânea. Entre coletâneas de contos, peças de teatro, poemas e textos da literatura infantil, seus dez romances, publicados até 2011, versam sobre diversos aspectos da natureza humana e da vida portuguesa, especialmente no tocante aos fatos ocorridos após a Revolução dos Cravos (1974), compondo um dos mais importantes panoramas da evolução sociopolítica em Portugal desde então. O projeto de pesquisa que deu origem a esta tese buscou contemplar quais aspectos desse panorama aparecem com maior consistência ao longo de sua escrita romanesca e qual sua relação com os fatos Históricos do país, em sua fase democrática. Aliada a isso, a escrita de Lídia Jorge apresenta, ao longo dos dez romances, uma reflexão sobre o próprio ato de escrever e sobre a relação entre a História e sua representação na ficção contemporânea portuguesa. Assim, sob a perspectiva da metaficção historiográfica, conforme a definem Hutcheon (1991) e White (1995), esta tese faz uma leitura dessas dez obras, buscando compreender o projeto estético-ideológico da autora, como ele se consubstancia e de que maneira se desdobra, desde O dia dos prodígios até A noite das mulheres cantoras (2011). Este trabalho propõe que os romances de Lídia Jorge constituam, até agora, três diferentes fases: o percurso inicial, formado pelos quatro primeiros romances O dia dos prodígios (1980), O cais das merendas (1982), Notícia da cidade silvestre (1984) e A costa dos murmúrios (1988); a segunda fase, de que fazem parte A última dona (1992), O jardim sem limites (1995) e O vale da paixão (1998); e a terceira fase, constituída pelos romances O vento assobiando nas gruas (2002), Combateremos a sombra (2007) e A noite das mulheres cantoras (2011). Serviu como espinha dorsal para a construção deste estudo a imagem do bordado como técnica para a construção de imagens, as quais, em conjunto e por si sós, constituem um painel representativo de um povo, de sua História e de sua relação com sua própria identidade. Em suma, este trabalho busca caracterizar quem é e como escreve um dos mais importantes nomes da literatura portuguesa contemporânea.
Título em inglês
Among prodigies, murmurs and soldiers: Lídia Jorge's novel
Palavras-chave em inglês
Contemporary portuguese novel
Historiographic metafiction
Lídia Jorge
Metanarrative
Portuguese literature post-1974
Resumo em inglês
Lídia Jorges work, started in 1980 with the novel O dia dos prodígios, forms one of the most significant and relevant sets of literary pieces produced in the Portuguese contemporary literature. Among short stories, plays, poems, and books for children, her ten novels so far, published between 1980 and 2011, evolve around several aspects of human nature and of the Portuguese life, especially the ones occurred after the Carnation Revolution (1974) building one of the most important overviews of the Portuguese sociopolitical evolution since then. The research project which originated this dissertation aimed to comprehend which aspects of that overview show more consistently in her novelistic writing, as well as its relation with the historical events of the country, in its democratic period (after 1974). In addition, Lidia Jorges writing presents, throughout her so-far ten novels, a reflection upon the act of writing itself and its relation with History and how it is represented in Portuguese contemporary fiction. Therefore, under the perspective of historiographic metafiction, as defined by Hutcheon (1991) and White (1995), this dissertation provides an analysis of her so-far ten novels, aiming at understanding the writers aesthetic and ideological project, how it consubstantiates and how it develops, since O dia dos prodígios and A noite das mulheres cantoras (2011). This work proposes that Lidia Jorges novels be divided into three different moments: the initial phase, made up of her first novels O dia dos prodígios (1980), O cais das merendas (1982), Notícia da cidade Silvestre (1984), and A costa dos murmúrios (1988); the second moment, in which belong A última dona (1992), O jardim sem limites (1995), and O vale da paixão (1998); and the third moment, which includes O vento assobiando nas gruas (2002), Combateremos a sombra (2007), and A noite das mulheres cantoras (2011). As foundation for developing this study, it was used the image of the needlework as metaphor for building imagery which, as a set and each one by itself, constitute a representative panel of a people, their History, and their relation with their own identity. In short, this work aims to characterize who one of the most important of the Portuguese contemporary literature is and writes.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
2013_MauroDunder.pdf (1.22 Mbytes)
Data de Publicação
2014-02-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.