• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2016.tde-21112016-150023
Documento
Autor
Nome completo
Fabrizia de Souza Carrijo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2016
Orientador
Banca examinadora
Garmes, Helder (Presidente)
Fernandes, Annie Gisele
Nemi, Ana Lucia Lana
Sarteschi, Rosangela
Teixeira, Ana Lucia de Freitas
Título em português
Questões raciais e políticas presentes no romance A Mulata, de Carlos Malheiro Dias
Palavras-chave em português
Literatura
Mestiçagem
Política
Raça
Resumo em português
Esta pesquisa propõe um estudo do romance A mulata (1896) de Carlos Malheiro Dias, focalizando a representação que a obra faz da questão racial no Brasil no final do século XIX, dentro de uma estética de cunho naturalista. A essa abordagem será conjugado o diálogo crítico-literário que o livro realizou com a intelectualidade brasileira e portuguesa daquele momento, o que gerou forte polêmica. Também será mantida no horizonte da análise a perspectiva antirrepublicana do autor. A mulata referendou um conjunto de preconceitos sobre a identidade nacional brasileira que fizeram escola em alguns setores de nossa intelectualidade e que se perpetuaram de forma explícita ou dissimulada por todo o século XX, preconceitos que elucidam muitos aspectos da maneira como os brasileiros se conceberam enquanto nação e como literariamente se autorrepresentaram. Apesar dessa conexão, a obra foi rejeitada pela intelectualidade brasileira, e é em busca dos motivos dessa rejeição que este trabalho se debruça.
Título em inglês
Racial issues and present policies on the novel A mulata, by Carlos Malheiro Dias
Palavras-chave em inglês
Literature
Miscegenation
Politics
Race
Resumo em inglês
My research deals with the novel A Mulata by Carlos Malheiros Dias, focusing on its use of naturalist aesthetics to represent the racial question in late-nineteenth-century Brazil. I also examine the controversial literary-critical dialogue Dias established with the Brazilian and Portuguese intellectual currents of his time. Taking the author's antirepublican ideals into account throughout, I argue that A Mulata features a set of preconceptions regarding Brazilian national identity that would gain followers in some sectors of Brazil's intelligentsia and which persisted explicitly or in more covert form into the twentieth century. These preconceptions explain many aspects of the way in wich Brazil conceived of itself as a nation and how it represented itself through literature. Despite this connection, A Mulata was rejected by the intellectual class of Brazil.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-11-21
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.