• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2009.tde-24092009-114549
Documento
Autor
Nome completo
Alzira Pires
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2008
Orientador
Banca examinadora
Jacoto, Lilian (Presidente)
Busnardo Filho, Antonio
Lopondo, Lilian
Título em português
Do bico de pena à tinta da escrita: O conquistador, de Almeida Faria
Palavras-chave em português
Carnavalização
Grotesco
O conquistador
Rebaixamento
Surrealismo
Resumo em português
O presente trabalho pretende analisar como o diálogo existente entre a ficção de Almeida Faria e os desenhos de Mário Botas, na obra O Conquistador (1990), opera a dinamização do mito sebástico através da reconstrução do homem comum português. A abordagem do tema será realizada através do estudo de alguns conceitos do grotesco que esclarecem o posicionamento ideológico dos artistas com relação às expectativas míticas do povo lusitano, a partir da crise identitária desencadeada pelos ventos revolucionários dos anos setenta. A fundamentação teórica tem como base a teoria de Bakhtin sobre a carnavalização e o realismo grotesco. Far-se-á também uma comparação de elementos surrealistas entre a escrita de Almeida Faria e as ilustrações de Mário Botas.
Título em inglês
From the quill pen to the ink of writing: O conquistador, from Almeida Faria
Palavras-chave em inglês
Carnavalization
Degradation
Grotesque
O conquistador
Surrealism
Resumo em inglês
This project intends to demonstrate the reconstruction of the ordinary Portuguese man through the analysis of O Conquistador (1990) by Almeida Faria, a Lusitanian writer and through the drawings of Mario Botas, who is also Lusitanian. The subject will be approached through the study of some concepts of the grotesque. The theoretical justification is based on Bakhtins theory about the carnavalization and the grotesque realism. There will also be a comparison of the surreal elements between the written work of Almeida Faria and the illustrations of Mario Botas.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
ALZIRA_PIRES.pdf (1.00 Mbytes)
Data de Publicação
2009-09-24
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.