• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2019.tde-25022019-123042
Documento
Autor
Nome completo
Lilian Honda
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2018
Orientador
Banca examinadora
Poma, Paola (Presidente)
Gandolfi, Leonardo Garcia Santos
Homem, Maria Lúcia Stacchini Ferreira
Vasconcelos, Mauricio Salles de
Título em português
A arte de esgrimir no vazio: normal, anormal e patológico na poesia de Adília Lopes
Palavras-chave em português
Adília Lopes
Literatura portuguesa
Poesia portuguesa contemporânea
Poética
Resumo em português
A questão dos sofrimentos psíquicos é um tema recorrente na obra de Adília Lopes, surgindo na forma de alusões às psicopatologias, menções a medicamentos e a nomes de médicos e psicoterapeutas, referências à história do tratamento das doenças mentais, bem como a instituições hospitalares e seus pacientes. A proposta deste trabalho é analisar as representações do tema na poética adiliana, evidenciando a postura crítica em relação à desmedida normalização social vigente na contemporaneidade e ao cientificismo, que subjazem à medicalização dos comportamentos. O referencial teórico parte dos conceitos de normalidade e patologia estabelecidos por Georges Canguilhem, sua articulação com a noção de biopoder, de Michel Foucault, e a implicação dos procedimentos normalizadores na emergência do paradigma da depressão, segundo a concepção de Elizabeth Roudinesco.
Título em inglês
The art of fencing in the void: the normal, abnormal and pathologic in the Adília Lopes poetry
Palavras-chave em inglês
Adília Lopes
Contemporary Portuguese poetry
Poetics
Portuguese literature
Resumo em inglês
The issue of psychic suffering is a recurrent theme in Adília Lopes' artwork, arising in the form of allusions to psychopathology, medications, names of doctors and psychotherapists, and references to the history of mental illness treatment, as well as hospital facilities and their patients. This article aims to analyze the representations of the subject in Adilian poetry, evidencing the critical point of view in relation to the excessive social normalization prevailing in contemporaneity and in scientism, which underlie the medicalization of behaviors. The theoretical reference is based on the concepts of normality and pathology established by Georges Canguilhem, his articulation with Michel Foucault's concept of biopower, and the implication of normalizing procedures in the emergence of depression paradigm according to Elizabeth Roudinesco's conception.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-02-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.