• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2016.tde-04082016-165033
Documento
Autor
Nome completo
Ana Beatriz Sampaio Soares de Azevedo
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2012
Orientador
Banca examinadora
Fonseca, Maria Augusta Bernardes (Presidente)
Lopez, Therezinha Apparecida Porto Ancona
Schwarcz, Lilia Katri Moritz
Título em português
Antropofagia: palimpsesto selvagem
Palavras-chave em português
Antropofagia
Antropologia
Cultura brasileira
Filosofia
Literatura
Manifesto Antropófago
Oswald de Andrade
Teatro
Resumo em português
Oswald de Andrade publicou em 1928, na Revista de Antropofagia, seu Manifesto Antropófago - híbrido de ensaio polêmico, paródia literária, manifesto filosófico, revisão histórica, panfleto de provocação, mito antropológico e roteiro fragmentado. Este estudo procura abordar o manifesto em sua complexidade conceitual, formal, artística e cultural. Percorrendo seus 51 aforismos, onde o autor articula história, filosofia, antropologia, psicologia, economia, política, uma multiplicidade de temas e personagens, pretendemos ainda descobrir diálogos de Oswald com autores e textos, investigando as fontes por ele explicitadas (bem como sondar aquelas não aparentes), ao longo da exposição de ideias e princípios no Manifesto Antropófago. Nessa visada crítica, destacamos especialmente três pensadores que marcaram profundamente as formulações de Oswald de Andrade, a saber: Montaigne, Freud e Nietzsche. Nesse sentido, tais pensadores também serão alvo de algumas reflexões neste mapeamento crítico do Manifesto Antropófago. Embora o tema da Antropofagia seja palmilhado em toda a obra do autor, este estudo centra-se primordialmente no texto de 1928. Assim, o propósito será explorar um a um o conteúdo de seus aforismos, buscando na medida do possível articular relações com outros textos do autor e com autores com os quais dialoga, acreditando que o Manifesto Antropófago representa a coluna vertebral do corpus antropofágico da obra de Oswald de Andrade.
Título em inglês
Anthropophagy: wild palimpsest
Palavras-chave em inglês
Anthropology
Anthropophagy
Brazilian Culture
Literature
Manifesto Antropófago
Oswald de Andrade
Philosophy
Teather
Resumo em inglês
Oswald de Andrade published in 1928, in the Revista de Antropofagia, his Manifesto Antropófago (Anthropophagous Manifest) a hybrid of a controversial essay, literary parody, philosophical manifest, historical review, provoking pamphlet, anthropological myth and fragmented script. The present study broaches the manifest along its conceptual, formal, artistic and cultural complexities. Throughout its 51 aphorisms, in which the author debates history, philosophy, anthropology, psychology, economics, politics, multiple themes and characters, we intend to find dialogues between Oswald and other authors and texts, uncover the sources made explicit by him (as well as investigate unapparent ones), within the exposition of the ideas and principles of the Manifesto Antropófago. In this critical view, we call attention to three theorists who deeply influenced Oswald de Andrades own thoughts: Montaigne, Freud and Nietzsche. In this sense, these thinkers will also be the focus of some reflections in this critical study of the Manifesto Antropófago. Although the anthropophagy theme is a constant idea all over the authors work, this study is mainly based on the text of 1928. Therefore, the purpose will be to explore the contents of the aphorisms one by one, seeking as far as possible to find relations with the authors other texts and with other authors with whom he dialogues, believing that the Manifesto Antropófago is the backbone of the anthropophagic corpus of Oswald de Andrades work.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-08-04
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.