• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.8.2017.tde-22082017-160208
Documento
Autor
Nome completo
Tazio Zambi de Albuquerque
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Zular, Roberto (Presidente)
Coelho, Frederico Oliveira
Favaretto, Celso Fernando
Rocha, Marília Librandi
Sant'Anna, Sérgio Bairon Blanco
Título em português
Arranjos dinâmicos: escritura, gesto e vocalidade na poética de Waly Salomão
Palavras-chave em português
Escritura
Gesto
Poesia experimental
Vocalidade
Waly Salomão
Resumo em português
Marcada pela exploração de suas próprias estruturas e condições de possibilidade, a obra de Waly Salomão (1943-2003) embaralha as fronteiras entre campos de produção, sob o signo do proteiforme. Entre meandros e amálgamas, suas práticas heterodoxas de composição operam um questionamento radical do estatuto do texto poético na contemporaneidade. Esta tese analisa as relações que se estabelecem entre escritura, gesto e vocalidade na poesia de Waly Salomão, especialmente nos livros Me segura queu vou dar um troço (1972) e Gigolô de bibelôs (1983), e nas performances poético-visuais, realizadas entre 1974 e 1977 e reunidas em catálogo da exposição Babilaques: alguns cristais clivados (2007). Por meio da leitura e análise dos poemas, bem como de ensaios e entrevistas do autor, pretende-se discutir a especificidade da enunciação walyana nos entremeios dos contextos tecnoculturais a partir dos quais se projeta e contra os quais se insurge.
Título em inglês
Dynamic arrangements: writing, gesture, and vocality in Waly Salomãos poetics
Palavras-chave em inglês
Experimental poetry
Gesture
Vocality
Waly Salomão
Writing
Resumo em inglês
Marked by the exploration of its own structures and the conditions of its possibility, the work of Waly Salomão (1943-2003) blurs the boundaries between production fields under the insignia of protean. Among meanders and amalgams, his heterodox compositional practices operate a radical questioning of the status of the poetic text in contemporaneity. This thesis analyzes the relationships established between writing, gesture, and vocality in Waly Salomão poetry, particularly in the books Me segura queu vou dar um troço (1972) and Gigolô de bibelôs (1983), and in the visual-poetic performances between 1974 and 1977, collected in the catalog of the exhibition titled Babilaques: alguns cristais clivados (2007). Through reading and analyzing the poems, as well as the authors essays and interviews, I discuss the particularity of the Walyan enunciation amid the techno-cultural contexts from which it protrudes and against which it insurrects.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-22
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.