• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Keiko Nishie
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2019
Orientador
Banca examinadora
Ishiki, Michiko Okano (Presidente)
Dias, Elaine Cristina
Nagae, Neide Hissae
Saito, Cecília Noriko Ito
Título em português
De Edo à Belle Époque: a arte japonesa kôgei a partir de sua inserção no ocidente
Palavras-chave em português
Arte aplicada
Arte japonesa
Artes e ofícios
Geijutsu
Kôgei
Resumo em português
A presente investigação teve como ponto de partida o estudo da palavra kôgei 工芸, derivada de geijutsu 芸術, que corresponde à ideia de arte no Japão. A pesquisa inicia-se com uma análise preliminar das principais diferenças entre geijutsu e a arte europeia, no sentido de belas artes predominante até meados do século XIX. Segue-se um esclarecimento acerca da origem da palavra kôgei, criada para traduzir o termo inglês industry no contexto da modernização do país, mas que sofreria um processo de reelaboração desse significado, tornando-o mais próximo de arte e artesanato, e símbolo da cultura material japonesa. Em nossa delimitação cronológica, que tem início com a reabertura dos portos japoneses para as potências marítimas estrangeiras durante os anos 1850, investigamos alguns elementos que contribuíram para a transformação semântica de kôgei, tais como a função social da arte no Japão pré-moderno, a participação nas exposições internacionais de arte e indústria, o aponismo e a inserção da arte japonesa no debate ocidental sobre a arte aplicada por volta da década de 1870.
Título em inglês
From Edo to Belle Époque: the Japanese art kôgei since its insertion in the West
Palavras-chave em inglês
Applied arts
Arts and crafts
Geijutsu
Japanese art
Kōgei
Resumo em inglês
The starting point of the investigation here presented was the study of the word kōgei工芸, derived from geijutsu 芸術, which corresponds to the idea of art in Japan. The research begins with a preliminary analysis of the main differences between geijutsu and European art, in the sense of fine arts prevalent until the mid-nineteenth century. It is followed by a clarification about the origin of the word kōgei, created to translate the English term industry in the context of the country modernization. That meaning would be the subject of re-elaboration, making it closer to art and crafts, and symbol of the Japanese material culture. In our chronological delimitation, which begins with the reopening of Japanese ports to the international maritime powers during the 1850s, we investigate some elements that contributed to the semantic transformation of kōgei, such as the social function of art in premodern Japan, the participation in international exhibitions of art and industry, Japonisme and the insertion of the Japanese art in the Western debate on applied arts around the 1870s.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2019-06-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.