• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2016.tde-11042016-134005
Documento
Autor
Nome completo
Luiz Gustavo da Cunha Soares
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Clemesha, Arlene Elizabeth (Presidente)
Jarouche, Mamede Mustafa
Nasser, Reginaldo Mattar
Título em português
Se tivéssemos armas: duas estratégias narrativas diante da libertação nacional no Egito
Palavras-chave em português
Engajamento
Guerra de Outubro
Nasser
Regime militar
Sadat
Yusuf al-Qai'd
Yusuf Idris
Resumo em português
Este trabalho enfoca dois romances egípcios traduzidos para o inglês: City of Love and Ashes, de Yusuf Idris, escrito em 1955 e publicado em 1956, e War in the Land of Egypt, de Yusuf al-Qa'id, escrito em 1975 e publicado em Beirute em 1978. Ao tematizar a libertação nacional no centro da ação do enredo, ambos veicularam críticas ao regime militar instalado após o golpe de junho de 1952, mas por caminhos distintos. Enquanto a obra de Idris apresenta um enredo otimista que dispensa o exército e assim constitui uma espécie de história alternativa, o texto de al-Qa'id levanta um ataque frontal às instituições estatais do país, mas termina por reforçar sua presença e mandato. A comparação dos dois romances expõe a complexidade política crescente que a existência prolongada do exército no poder representou para a intelectual crítica egípcia.
Título em inglês
If we had weapons: two narrative estrategies before national liberation in Egypt
Palavras-chave em inglês
Engagement
Military regime
Nasser
October War
Sadat
Yusuf al-Qa'id
Yusuf Idris
Resumo em inglês
This work focuses on two Egyptian novels translated to English: City of Love and Ashes, by author Yusuf Idris, written in 1955 and published in 1956, and War in the Land of Egypt, by Yusuf al-Qa'id, written in 1975 and published in Beirut in 1978. By framing national liberation at the core of the plot's action, both have aired criticisms of the military regime implemented by the coup of June 1952, but through distinct paths. While Idris' work present an optimistic plot that foregoes the army and thus constitutes a sort of alternative history, al-Qa'id's text deploys a frontal attack on the state institutions of the country, but ends up reinforcing its presence and mandate. The comparison of these two novels exposes the growing political complexity that the prolonged existence of the army in power represented to the Egyptian critical intelligentsia.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2016-04-11
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.