• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.8.2017.tde-07082017-124328
Documento
Autor
Nome completo
Rodrigo Godinho Trevisan
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2017
Orientador
Banca examinadora
Navarro, Eduardo de Almeida (Presidente)
Ugarte, Auxiliomar Silva
Zavaglia, Adriana
Título em português
Tradução comentada da obra Le Petit Prince, de Antoine de Saint-Exupéry, do francês ao nheengatu
Palavras-chave em português
Amazônia
Le Petit Prince
Nheengatu
Revitalização linguística
Tradução
Resumo em português
A língua geral amazônica (LGA), língua de base tupi, chamada em meados do século XIX de nheengatu (nheenga língua + katu bom, boa), foi mais falada que o português em toda a Amazônia até o término do século XIX. Após uma série de fatores que levaram ao seu enfraquecimento, hoje se concentra na região do Alto Rio Negro, onde é língua oficial do município de São Gabriel da Cachoeira AM. Por ser uma língua historicamente veiculada pela oralidade e pela ainda tímida elaboração de materiais para seu estudo e divulgação, iniciativas relacionadas à tradução ao nheengatu mostram-se como estratégias interessantes a favor da revitalização dessa língua e da contribuição para a consolidação de um registro escrito na mesma. Insere-se nesse contexto a tradução do livro Le Petit Prince, de Antoine de Saint-Exupéry, do francês ao nheengatu. O registro escrito adotado em minha proposta de tradução foi estabelecido com base nos textos em e sobre o nheengatu produzidos entre a segunda metade do século XIX e a primeira do século XX e no confronto desse período com a língua em seu estado atual. Além de aumentar o número de materiais escritos na língua, utilizados principalmente no ambiente escolar amazônico, a tradução proposta nesta dissertação vem acompanhada de uma seção em que apresento comentários a respeito das escolhas tradutológicas adotadas por mim, que se relacionam a aspectos linguísticos e culturais envolvidos no processo tradutório. Com o propósito de contribuir não apenas para o fortalecimento do nheengatu, as discussões sobre questões teóricas e modalidades de tradução também podem se somar às contribuições no campo dos Estudos da Tradução.
Título em inglês
A commented translation of Antoine de Saint-Exupérys work Le Petit Prince from French into Nheengatu
Palavras-chave em inglês
Amazonia
Language revitalization
Le Petit Prince
Nheengatu
Translation
Resumo em inglês
The Amazon general language (AGL), a language based on Tupi, known as Nheengatu in the mid XIX century (nheenga language + katu good), was more broadly used than Portuguese in the Amazon area until the end of the XIX century. After a series of factors that led to its weakening, the language now is concentrated in the Alto Rio Negro area, where it is established as the official language of the São Gabriel da Cachoeira town, in the state of Amazonas. Since it is a language that has been historically used orally and the development of materials to study and disclose it is still stagnant, measures related to the translation into Nheengatu have proved to be interesting strategies favoring the revitalization of the language and the contribution for a consolidation of a written register in it. In this context we find the translation of Antoine de Saint-Exupérys book, Le Petit Prince, from French to Nheengatu. The written register adopted in my translation proposal was established based on texts in Nheengatu, and about the language, produced between the second half of the XIX century and the first half of the XX century and the confrontation in this period with the language in its current state. Besides increasing the quantity of material written in the language, used mainly in the Amazon school environment, the translation put forth in this dissertation comes with a section in which I present comments concerning of the translation choices I adopted, which relate to linguistic and cultural aspects involved in the translation process. Aiming at contributing not only to strengthen the Nheengatu language, the discussions on theoretical matters and translation modalities may also add to the contributions to the Translation Studies field.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-08-07
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.