• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tesis Doctoral
DOI
10.11606/T.81.2016.tde-08122016-154833
Documento
Autor
Nombre completo
Walter de Oliveira Paulo
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2016
Director
Tribunal
Santos, Marcelo Giordan (Presidente)
Alavarse, Ocimar Munhoz
Haar, Ewout Ter
Kleinke, Maurício Urban
Oliveira, Mauricio Pietrocola Pinto de
Título en portugués
Modelo metodológico de construção de indicadores de uso de TIC para gestão da produção de planos de ensino
Palabras clave en portugués
Formação de Professores em Serviço
Indicadores
Modelo Metodológico
Planos de Ensino
Tecnologias da Informação e Comunicação
Resumen en portugués
Este trabalho é sobre um modelo metodológico desenvolvido para investigar um curso de Especialização em Ensino de Ciências (Física, Química e Biologia) para professores em serviço do Estado de São Paulo. O curso foi ofertado pelo governo paulista por meio programa REDEFOR junto à Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo. Testamos o modelo construindo indicadores para uma amostra de 400 planos de ensino produzidos durante o curso por 246 professores. A partir da leitura e interpretação dos planos selecionados na amostra e de respostas dadas às enquetes aplicadas ao longo do curso, investigamos o uso das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) na proposição de atividades de ensino. Para automatizar o processo, incorporamos ao modelo três programas computacionais: o NVIVO, o EXCEL e o SPSS que, combinados com técnicas de análises qualitativas e quantitativas o fortaleceram. Vários testes estatísticos puderam ser empregados nas análises realizadas com os indicadores construídos, dentre esses, o da regressão múltipla em que os indicadores das enquetes se comportaram como variáveis preditoras (independentes) do estudo e os indicadores dos planos de ensino como variáveis dependentes. Nas enquetes edificamos dois indicadores: Formação (indFOR) e Vida Diária e Trabalho (indVDT) ambos para antes e durante o curso. Confrontamos cada um desses indicadores com indicadores de uso de TIC dos planos de ensino: Quantidade (indQTIC) e Variedade (indVTIC). Na análise da regressão múltipla, os resultados mostraram que apenas os indicadores indVDT-antes e indVDT-durante apresentaram diferenças estatisticamente significativas em suas médias para a quantidade e para a variedade de uso de TIC. A associação dos dois indicadores de Vida Diária e Trabalho com cada indicador dos planos de ensino foi fraca em torno de 0,25, ou seja, aproximadamente 5% da variância da quantidade ou da variedade do uso de TIC poderiam ser explicadas pelo conjunto de indicadores. Aprofundamos a investigação de indTICenqVDTd via análise de Cluster para identificar os grupos estatisticamente significativos nessa variável em conjunto com os indicadores de uso de TIC de quantidade e variedade e com o indicador de notas oficiais das SD. Encontramos dois grupos, sendo que o primeiro (grupo 1) detinha os melhores resultados (em média) em todos os indicadores. Já o segundo grupo (grupo 2) apresentou os piores resultados (em média) de todos os indicadores incluídos na análise de Cluster. A combinação das respostas dadas a itens de enquetes com a quantidade e a variedade de uso de TIC encontrada nas SD e com o desempenho expressos pelas notas oficiais das SD, nos levaram a concluir que, quando o professor conhece as TIC e as utiliza durante seu ato de planejar, a qualidade do plano de ensino tende a melhorar e, isso poderá, como consequência, trazer melhorias para a qualidade de suas aulas. O modelo metodológico que desenvolvemos é versátil e o consideramos como a principal contribuição deste trabalho para a área da Educação. Por ele, outros recursos utilizados em aulas como: atividades experimentais, músicas, poesias, histórias em quadrinhos, receitas de culinária etc. poderiam ser mensurados e investigados.
Título en inglés
Methodological model of the construction ICT use indicators to manage education plans' production
Palabras clave en inglés
In-service Teacher Training
Indicators
Information and Communication Technologies
Methodological Model
Teaching Plans
Resumen en inglés
This work is about a methodological model developed in order to investigate a course of specialization in science education (Physics, Chemistry and Biology) for in-service teachers of the State of São Paulo. The course was offered by the state government through the REDEFOR program in the Faculty of Education, University of São Paulo. We tested the model building indicators for a sample of 400 education plans produced during the course by 246 teachers. From the reading and interpretation of the plans selected in the sample and the answers to surveys applied throughout the course, we investigated the use of Information and Communication Technologies (ICT) in proposing educational activities. To automate the process, the model incorporated three computer programs: NVIVO, EXCEL and SPSS which strengthened it, by combining with techniques of qualitative and quantitative analysis. Several statistical tests could be used in analysis with built indicators, among these, the multiple regression in which the indicators behaved as predictor variables (independents) and the indicators of educational plans as dependent variables. With the surveys we build two indicators: Formation (indFOR) and Daily Life and Work (indVDT) for both before and during the course. We compared each of these indicators with ICT use indicators of educational plans: Quantity (indQTIC) and Variety (indVTIC). In the analysis of multiple regression, the results showed that only the indVDT-before indicators and the indVDT-during statistically had significant differences in their average for the amount and the variety of ICT use. The association of the two indicators of Daily Life and Work with each indicator of educational plans was weak around 0.25, ie about 5% of the variance in the amount or variety of ICT use could be explained by the set of indicators. We deepen the research indTICenqVDTd via Cluster analysis to identify statistically significant groups in this variable together with the amount of ICT use indicators and variety and the indicator of official notes of SD. We found two groups, the first (group 1) held the best results (on average) in all indicators. The second group (group 2) showed the worst results (on average) of all indicators included in the cluster analysis. The combination of responses to polls items with the quantity and variety of ICT use found in SD and performance expressed by the official notes of SD, led us to conclude that when the teacher knows ICT and use it for your act of planning, syllabus quality tends to improve, and this may, as a consequence, bring improvements to the quality of their classes. The methodological model we have developed is versatile, considered as the main contribution of this work to the area of Education. For it, other resources used in classes as experimental activities, songs, poetry, comics, cooking recipes etc. They could be measured and investigated.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2016-12-09
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.