• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.81.2016.tde-20092016-105920
Documento
Autor
Nombre completo
Patricia Andrade da Silva
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2012
Director
Tribunal
Maximiano, Flavio Antonio (Presidente)
Bueno Filho, Marco Antonio
Correia, Paulo Rogério Miranda
Título en portugués
Mapas e redes conceituais: uma proposta metodológica para a sua construção a partir de textos
Palabras clave en portugués
Estrutura de conhecimento
Mapa conceitual
Rede de conceitos
Texto
Resumen en portugués
A elaboração de textos por alunos em resposta a questões dissertativas dentro do contexto escolar parece ser a forma mais convencional de se tentar avaliar o que os alunos sabem. O texto que um indivíduo produz procura refletir de forma aproximada a sua estrutura de conhecimentos sobre determinado tema. A leitura e análise de textos são tarefas que exigem um tempo considerável no dia-a-dia de um professor ou pesquisador e, quando há o interesse em conhecer as ideias mais relevantes sobre determinado tema para um grupo de alunos, a tarefa é ainda mais trabalhosa. O principal objetivo desta pesquisa consiste em desenvolver uma metodologia que utiliza ferramentas computacionais para transformar textos escritos por alunos em estruturas gráficas como mapas e redes de conceitos. A utilidade desta metodologia aparece tanto no contexto da pesquisa em ensino quanto na própria prática docente, já que o produto final de sua aplicação pode permitir estabelecer inferências quanto à estrutura de conhecimentos de um grupo de alunos. A investigação ocorreu a partir de dados coletados em duas disciplinas distintas de cursos de graduação do IQ-USP. Os dados coletados referem-se a produções textuais de 42 estudantes em resposta a uma questão que fornecia alguns conceitos pré-estabelecidos. A partir das respostas dos alunos foram realizados testes: (i) com dois softwares de análise de textos para a quantificação das relações entre conceitos; (ii) para verificar a influência na quantificação das relações entre conceitos partindo-se do texto como foi escrito e das proposições extraídas do mesmo e (iii) para a obtenção de diferentes tipos de estruturas gráficas. A partir dos testes realizados, foi possível concluir que o programa Hamlet® é mais eficiente e prático do que o programa ALA-Reader® para os objetivos da presente pesquisa. Além disso, a matriz gerada pelo Hamlet® para quantificar as relações entre conceitos depende essencialmente da estrutura do texto em questão - texto original ou texto modificado. Os três tipos de estruturas gráficas construídos apresentam diferentes focos, porém, podem ser considerados complementares. As redes V+P se mostraram interessantes para análises centradas nos conceitos pré-estabelecidos e fornecidos na questão que originou os textos dos alunos. As redes a partir de corte percentual apresentaram-se como representações bastante úteis para investigações interessadas em fazer um recorte ou destacar os aspectos considerados mais relevantes pelos alunos sobre determinado tema. Os mapas conceituais construídos neste trabalho mostraram-se como representações extremamente valiosas para conhecer a aproximada estrutura de conhecimentos dos grupos de alunos, uma vez que explicitam a natureza das relações proposicionais entre os conceitos. A construção de mapas conceituais partindo-se tanto dos textos originais quanto dos textos modificados permitiu concluir que as estruturas gráficas obtidas dos dois modos se aproximam bastante uma da outra, apresentando alta semelhança. Esta semelhança sugere que a utilização do programa Hamlet® para a obtenção de matrizes que quantificam relações entre conceitos presentes em um texto na forma como foi escrito é eficiente quando comparada ao processo manual e mais demorado de se extraírem proposições de um texto para obter uma matriz.
Título en inglés
Maps and conceptual networks: a methodological proposal for its construction from texts
Palabras clave en inglés
Concept map
Knowledge structure
Network graphs
Text
Resumen en inglés
The drafting of essays by students in response to essay questions in the school context seems to be the most conventional way to assess the students` knowledge. The essay produced by a student seeks to approximately reflect his/her knowledge structure about a certain domain. The reading and the analysis of essays are tasks that require a considerable time in a teacher's or researcher's routine and, when the interest on knowing the most important ideas about a certain topic is verified in a group of students, the task is even harder. The main objective of this research is to develop a methodology that uses computational tools in order to transform written essays in graphic structures such as concept maps and networks graphs. This methodology could be useful not only for teaching research purposes but also for teaching practice, since the final product of its application may lead to inferences about the knowledge structure of a group of students. The investigation developed herein was based on data collected from two distinct matters of undergraduate IQ-USP. That data refer to written essays of 42 students in response to an essay question provided of some pre-established concepts. From the students' responses, tests were performed: (i) with two softwares for text analysis with a view of quantifying the relationships between concepts, (ii) to investigate the influence on the quantification of relationships between concepts, from the original text and from the propositions extracted from this original text and (iii) to obtain different types of graphic structures. From the tests that were done, it was possible to conclude that Hamlet® consists in a more efficient and convenient program than ALA-Reader® to the objectives of this research. Furthermore, the array generated by Hamlet® program to quantify the relationships between concepts depends essentially on the structure of the essay - either the original text or the modified text. The three types of graphic structures that were built present different focuses, however, these graphic structures may be considered complementaries. The (V+P) network graphs can be thought as interesting representations that focuses on pre-established concepts that were provided on the essay questions. Network graphs from cutting percentage can be thought as representations that are more useful for investigations interested in making a cut or in highlighting the most relevant aspects of a subject by the students. The concept maps constructed in this paper can be thought as extremely valuable representations to know the approximate knowledge structure of the students groups, since they make clear the nature of the propositional relationships between concepts. The construction of concept maps starting from the original texts and also from the modified texts proved that both graphic structures obtained are very close to each other, being highly similar. This similarity suggests that the use of the Hamlet® program to obtain arrays that quantify relationship between concepts found in an original text is more effective in comparison to manual and time-consuming process of extracting propositions from the original text to obtain an array.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
Fecha de Publicación
2016-09-20
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.