• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Master's Dissertation
DOI
10.11606/D.81.2010.tde-20072010-161201
Document
Author
Full name
Adriano Dias de Oliveira
Institute/School/College
Knowledge Area
Date of Defense
Published
São Paulo, 2010
Supervisor
Committee
Marandino, Martha (President)
Bruno, Maria Cristina Oliveira
Motokane, Marcelo Tadeu
Title in Portuguese
Biodiversidade e museus de ciências: um estudo sobre transposição museográfica nos dioramas
Keywords in Portuguese
Biodiversidade
Dioramas
Educação em museus.
Transposição didática
Transposição museográfica
Abstract in Portuguese
O estudo em questão teve como principal objetivo analisar como o tema biodiversidade, no que diz respeito à forma em como é conceituado e a valores a ele atribuído, aparece nos dioramas de exposições de museus de ciências. Para tal, a pesquisa visou à compreensão dos processos de transformação do discurso científico para o discurso expositivo, tendo como referencial teórico o conceito de transposição didática, aqui entendida como transposição museográfica. O foco em biodiversidade deve-se as proporções que o termo ganhou nas últimas décadas, em que o mesmo sobrepujou os limites científicos, sendo incorporados novos significados a ele, e que por sua vez vem exigindo estratégias educacionais diferenciadas dos locais que objetivam utilizá-lo como instrumento de articulação em educação para ciência. Os motivos que nos conduziram a delinear este trabalho encontram-se nos questionamentos sobre o tema biodiversidade e de como um espaço educativo, em especial os museus, abordam-no fazendo uso de um dos seus objetos expositivos mais tradicionais, os dioramas. Foram selecionados para esta pesquisa dois museus nacionais - Museu de História Natural Capão da Imbuia e Museu de Ciências e Tecnologia da PUC/RS - onde foram analisados dois dioramas de cada um. Por se configurar como uma pesquisa qualitativa a coleta de dados se deu por meio de entrevistas a cientistas que investigam a biodiversidade e a um responsável de cada museu estudado, observação dos dioramas e análise documental. Para a fundamentação da análise foram criadas, a partir do referencial teórico sobre biodiversidade e transposição museográfica, as seguintes categorias divididas em dois grupos: níveis de biodiversidade: genética, de espécies e de ecossistemas; valores de biodiversidade: econômico, ecológico e de conservação. Em termos gerais identificamos que os dioramas e seus textos apresentam similaridades ao abordar a biodiversidade. As categorias de níveis de espécies e de ecossistemas predominam nessas montagens, provavelmente decorrente da histórica relação dos dioramas com a ecologia. Contudo, é importante destacar que os textos centralizam suas informações apenas nos animais, e que nenhuma espécie de planta é mencionada neles. Em um dos dioramas foi identificado elementos referentes as categorias de valores de biodiversidade. A partir da fala dos entrevistados dos museus e do que foi observado nos dioramas, verificamos que os fatores que implicam para que algumas de nossas categorias não tenham sido encontradas esteja relacionado a questões museológicas e museográficas. Dados como esses revelam a existência de diferentes campos de conhecimentos, na noosfera museal, presentes no processo de elaboração dos dioramas. Por fim, entendemos que este trabalho reforça a eficiência dos dioramas em retratar a biodiversidade ao público dos museus de ciências, além de contribuir com um método de descrição desses objetos expositivos para futuras pesquisas.
Title in English
Biodiversity and science museums: a study on the transposition museographic dioramas
Keywords in English
Biodiversity
Didactic transposition
Dioramas
Museographic transposition
Museum education
Abstract in English
This study had as main objective to analyze how the theme of biodiversity, as regards the way in which it is worthy and the values assigned to it, appears in dioramas of exhibitions at science museums. To this end, the research aimed to understand the processes of transformation of scientific discourse to the expository speech, and the theoretical concept of didactic transposition, understood here as museographic transposition. The focus on biodiversity due to the proportions that the term has in recent decades, in which it surpassed the limits scientific, and incorporated into new meanings to it, and that in turn has required different educational strategies of the sites that aim to use it as an instrument of coordination in science education. The reasons that led us to delineate this work are the questions on the topic of biodiversity and as an educational area, in particular museums, deal-making in the use of one of its objects more traditional exhibition, the dioramas. Were selected for this research two national museums - Museu de História Natural do Capão da Imbuia and Museu de Ciências e Tecnologia da PUC/RG Museum of Natural History Capon of Imbuia and Museum of Science and Technology of the PUC / RS - where analyzed two dioramas of each. Up becoming configured as a qualitative data collection occurred through interviews with scientists investigating biodiversity and one charge of each museum studied, dioramas of observation and document analysis. For reasons of analysis were created from the theoretical about biodiversity and museographic transposition the following categories divided into two groups: levels of biodiversity: genetic, species and ecosystems, biodiversity values: economic, ecological and conservation. Overall we found that the dioramas and their texts have similarities to address biodiversity. The categories of levels of species and ecosystems dominated these assemblies, probably due to the historical relationship of dioramas with ecology. However, it is important to note that the texts centralize your information only in animals, and that no species of plant is mentioned in them. In one of the dioramas was identified information concerning the categories of biodiversity values. From their statements of interviewed museums and what was observed in the dioramas, we found that the factors that imply that some of our categories have not been found to be related to museum issues and frequently overlap. Such data reveal the existence of different fields of knowledge, the noosphere museum, present in the drafting of dioramas. Finally, we believe that this work reinforces the efficiency of dioramas to portray the diversity of the public science museums, which also provides a method of expository description of these objects for future research.
 
WARNING - Viewing this document is conditioned on your acceptance of the following terms of use:
This document is only for private use for research and teaching activities. Reproduction for commercial use is forbidden. This rights cover the whole data about this document as well as its contents. Any uses or copies of this document in whole or in part must include the author's name.
Publishing Date
2010-10-13
 
WARNING: Learn what derived works are clicking here.
All rights of the thesis/dissertation are from the authors
Centro de Informática de São Carlos
Digital Library of Theses and Dissertations of USP. Copyright © 2001-2019. All rights reserved.