• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.83.2010.tde-26042010-103941
Documento
Autor
Nome completo
Sebastião Junior Henrique Duarte
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Mamede, Marli Villela (Presidente)
Clapis, Maria Jose
Cunha, Margarida de Aquino
Santos, Claudia Benedita dos
Santos, Neuci Cunha dos
Título em português
Estudo das competências essenciais na atenção pré-natal: ações da equipe de enfermagem no município de Cuiabá-MT
Palavras-chave em português
Competência Profissional
Cuidado Pré-natal
Equipe de Enfermagem
Instituições de Saúde
Saúde da Mulher
Resumo em português
Estudos apontam que a presença de profissionais qualificados para o atendimento à mulher e família no ciclo gravídico puerperal é um indicador de qualidade da assistência e de redução da morbimortalidade materna e neonatal. O estudo teve por objetivo geral analisar a assistência pré-natal realizada pelos profissionais de enfermagem da rede municipal de saúde do município de Cuiabá-MT. Como objetivos específicos: a) Identificar os profissionais de enfermagem que atuam na atenção ao pré-natal; b) Descrever o perfil dos profissionais de enfermagem que participam na atenção ao pré-natal; e c) Analisar as competências essências desenvolvidas pelos profissionais de enfermagem na atenção pré-natal prestada na Estratégia Saúde da Família e nos Centros de Saúde do município de Cuiabá-MT. Pesquisa descritiva de abordagem quantitativa, a população foi composta por todos profissionais da enfermagem (108 de nível médio e 74 enfermeiros) que atuavam na atenção ao pré-natal da rede básica de saúde (Centros de Saúde e Estratégia Saúde da Família) de Cuiabá-MT. A entrevista e a observação sistemática, não participante foram os métodos de coleta de dados subsidiados por instrumento adaptado ao de Cunha (2008), cujo conteúdo está fundamentado em documentos oficiais: Manual do Ministério da Saúde de Assistência Pré-natal (2006), Competências Essenciais para o exercício básico da Obstetrícia da Confederação Internacional de Parteiras (2002); Organização Pan Americana de Saúde: Perfil dos Serviços de Obstetrícia/Parteria nas Américas (2004). A estatística descritiva foi usada para organização e análise dos resultados. Encontrou-se que o atendimento da pré-consulta é feito pelos profissionais de enfermagem de nível médio e as consultas de pré-natal ficam sob a responsabilidade dos enfermeiros. O perfil dos profissionais revela que é predominantemente do sexo feminino, média de 36,5 anos para as Enfermeiros e 43,3 anos para o nível médio, casados e com filhos, formados há mais de 10 anos, com exceção das Enfermeiras da Estratégia Saúde da Família. Não há enfermeiras com especialização em obstetrícia. A maioria dos profissionais referiu ter adquirido experiência em pré-natal no próprio trabalho e falta participação em cursos de atualização na área. Verificou-se que muitas das competências essenciais para o atendimento pré-natal não foram realizadas para todas as gestantes. Entre as ações mais frequentes estão a verificação da pressão arterial (100%) e do peso (100%), a anamnese (100%), o exame dos membros inferiores (45,9%), a ausculta dos batimentos cárdiofetal (45,9%) e a medida da altura uterina (48,6%). Entre os menos frequentes estão: a ausculta cardiopulmonar (9,4%), a verificação da frequência cardíaca (8,1%), a inspeção da pele e mucosas (28,3%), a palpação do pescoço e axilas (14,8%), o exame das mamas (39,1%) e a prescrição de medicamentos (22,9%). Conclusão: existe uma importante participação dos profissionais de enfermagem na atenção pré-natal, os enfermeiros, especialmente da ESF, realizam a consulta pré-natal e os profissionais de nível médio atuam na pré consulta. Contudo a ausência de protocolo assistencial e o baixo investimento institucional na qualificação desses profissionais são fatores que compromete a qualidade da atenção.
Título em inglês
Study of basic skills in antenatal care: actions of the nursing staff in the city of Cuiabá-MT
Palavras-chave em inglês
Health Facilities
Nursing Team
Prenatal Care
Professional Competence
Women's Health
Resumo em inglês
Studies indicate that the presence of qualified professionals to meet his wife and family in the puerperal period is an indicator of quality of care and reducing maternal and neonatal morbidity. The study aimed at analyzing the prenatal care performed by nurses from the municipal health of the city of Cuiabá-MT. Specific objectives: a) identify nurses who work in the prenatal care, b) describe the profile of nursing professionals involved in the prenatal care, and c) to examine the core competencies developed by professionals in the antenatal care provided in the Family Health and Health Centers in the city of Cuiabá-MT. This descriptive quantitative approach, the population consisted of all nursing professionals (108 mid-level and 74 nurses) who worked in the prenatal care of basic health services (Health Centers and the Family Health Strategy) from Cuiabá . The interview and systematic observation, not participating were the methods of data collection subsidized by instrument adapted from Cunha (2008), whose content is based on official documents: Manual of the Ministry of Health for Pre Natal (2006), Essential Skills for the basic exercise of Obstetrics of the International Confederation of Midwives (2002), Pan American Health Organization: Profile Services Obstetrics / Midwifery in the Americas (2004). Descriptive statistics were used to organize and analyze the results. It was found that the attendance of the pre consultation is done by professionals, nursing assistants and prenatal care are under the responsibility of nurses. The profile of professionals reveals that is predominantly female, average 36.5 years for nurses and 43.3 years for the average, married with children, formed more than 10 years, with the exception of the Nurses Health Strategy Family. There are no nurses specializing in obstetrics. Most professionals reported having had experience in prenatal in their work and lack of participation in upgrading courses in the area. It was found that many of the skills essential for prenatal care were not performed for all pregnant women. Among the actions are more frequent checking of blood pressure (100%) and weight (100%), history taking (100%), examination of the lower limbs (45.9%), the auscultation of fetal cárdiofetal (45, 9%) and measurement of uterine height (48.6%). Among the less frequent are: the auscultation (9.4%), checking the heart rate (8.1%), inspection of the skin and mucous membranes (28.3%), palpation of the neck and armpits (14, 8%), examination of the breasts (39.1%) and prescription medicines (22.9%). Conclusion: There is one important role of nurses in prenatal care, the nurses, especially the ESF, perform prenatal care and the mid-level professionals working in pre-consultation. However the absence of clinical protocol and low institutional investment in the qualification of these professionals are factors that compromise The quality of care.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-09-14
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.