• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.83.2010.tde-31032010-084230
Documento
Autor
Nome completo
Maria Marta Nolasco Chaves
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Egry, Emiko Yoshikawa (Presidente)
Breilh, Jaime
Cubas, Marcia Regina
Fonseca, Rosa Maria Godoy Serpa da
Sena, Roseni Rosângela de
Título em português
Competência avaliativa do enfermeiro para o reconhecimento e enfrentamento das necessidades em saúde das famílias
Palavras-chave em português
Atenção básica em saúde
Competência profissional
Enfermeiros
Necessidades em Saúde
Saúde Coletiva
Resumo em português
Estudo exploratório, descritivo com abordagem qualitativa sobre a competência avaliativa do enfermeiro para reconhecer e enfrentar as necessidades em saúde das famílias. Ancorado na Teoria da Intervenção Práxica da Enfermagem em Saúde Coletiva (TIPESC). Objetivou identificar qual a competência avaliativa do enfermeiro para o reconhecimento e o enfrentamento das necessidades em saúde das famílias em um determinado território; listar as ações do enfermeiro na atenção básica para reconhecimento e enfrentamento das necessidades em saúde; evidenciar as temáticas das situações em que são reconhecidas e enfrentadas necessidades em saúde das famílias descritas pelo enfermeiro; descrever o conjunto de ferramentas que o enfermeiro mobiliza nas situações de reconhecimento e enfrentamento de necessidades em saúde segundo as contradições dialéticas nos discursos empíricos e analíticos para o reconhecimento e enfrentamento das necessidades em saúde das famílias de um determinado território; identificar, segundo as temáticas evidenciadas, os saberes avaliativos do enfermeiro da atenção básica para o reconhecimento e enfrentamento das necessidades em saúde das famílias. O local do estudo foi o Distrito Sanitário Boa Vista em Curitiba-PR. Os dados foram coletados em fontes primárias e secundárias. Os sujeitos da pesquisa foram vinte e cinco enfermeiras que trabalhavam nas Unidades de Saúde que aceitaram participar da entrevista. Nos resultados sobre a caracterização de Curitiba se verificam processos de determinação das necessidades em saúde nas condições de vida da população; as propostas de intervenção em saúde aprovadas nas Conferências estiveram baseadas na concepção do risco à saúde com enfoque para intervenções curativistas para reverter os índices epidemiológicos relacionados aos agravos identificados em estudos; os protocolos e programas vigentes estão fundamentados na epidemiologia do risco e orientam intervenções para a prevenção dos adoecimentos por meio de mudanças no estilo de vida e do autocuidado, sendo a recuperação dos doentes relacionada à adesão ao tratamento com a corresponsabilidade dos profissionais nos processos; as compreensões das enfermeiras sobre as necessidades em saúde reconhecidas, enfrentadas e os recursos utilizados para intervir foi convergente com as normatizações vigentes na SMS e com as propostas de intervenções aprovadas nas Conferências Municipais de Saúde. A discussão dos resultados permitiu a identificação dos saberes avaliativos do enfermeiro da atenção básica necessários para reconhecer e intervir segundo as necessidades em saúde das famílias de um determinado território. As considerações finais indicam que a enfermeira reconhece processos determinantes das necessidades em saúde e do processo saúde-doença nas diferentes dimensões da realidade, singular, particular e estrutural, porém ao intervir não os relaciona e direciona suas ações para a dimensão singular. Os recursos que as enfermeiras mobilizaram para as intervenções foram coerentes com a concepção biológica e individual do processo saúde-doença e os programas foram reconhecidos como potencializadores para o acesso aos insumos e materiais necessários. Esta concepção foi convergente com a implantação do Sistema Único de Saúde municipal, pois este avançou no sentido de implantar um sistema integrado, hierarquizado, regionalizado e resolutivo para questões relacionadas aos agravos identificados nos índices epidemiológicos. Os desafios apontados são no sentido de formar profissionais para reconhecerem os determinantes das necessidades em saúde percebidas pelasfamílias e pelos usuários moradores da área de abrangência dos serviços de saúde local e, assim, reverter o atual modelo de intervenção.
Título em inglês
Nurse's assessment competence to acknowledge and cope with family health needs
Palavras-chave em inglês
Collective Health
Health needs
Nurses
Primary health care
Professional competence
Resumo em inglês
Descriptive exploratory study with a qualitative approach on nurse's assessment competence to acknowledge and cope with family health needs. It is grounded on the Theory of Praxis Intervention in Collective Health Nursing (TIPESC in portuguese). It aimed to identify nurse's assessment competence in order to acknowledge and cope with family health needs in a given coverage area; to list nurses' actions on primary care for acknowledgement and coping with health needs; to evidence the thematic of situations where family health needs described by nurses are acknowledged and coped; to describe the set of tools used by nurses in situations of acknowledgement and coping with health needs according to dialectic contradictions in empirical and analytical accounts for the acknowledgement and coping with family health needs in a given coverage area; to identify, according to the evidenced thematic, nurses' assessment knowledge on primary care in order to acknowledge and cope with family health needs. The study venue was Boa Vista Sanitary District in Curitiba/ Parana State, Brazil. Data collection was carried out through primary and secondary sources. Research subjects were twenty-five nurses who worked atHealth Units and agreed to participate in the interview. In the results on Curitiba featuring, the processes to determine health needs in the population livingconditions are verified; health intervention proposals approved in the Conference were based on the health-risk conception focused on healing interventions to reverse epidemiological rates related to conditions identified in the studies; protocols and programs in effect are grounded on risk epidemiology and guide interventions to prevent diseases by means of changes in lifestyle as well as self-care, being patients recovery related to treatment compliance along with professionals' co-responsibility in the processes; nurses' understanding on acknowledged and coped health needs as well as the used intervention resources converge with the current norms by the Municipal Health Service and the intervention proposals approved by the Municipal Health Conference. Result discussion enabled to identify nurses' necessary assessment knowledge on primary care in order to acknowledge and intervene according to family health needs in a given coverage area. Finalconsiderations point out that nurses recognized determinant processes on health needs and health-disease process in the different realms of reality, singular, particular and structural although they do not relate them during intervention and guide their actions towards the singular dimension. Nursing intervention resources conformed to individual and biological conception of the health-disease process while the programs were ac knowledged as potential-ridden to the access to the necessary supplies and materials. This conception conforms to the implementation of the municipal Integrated Health System once it went forth the implementation of an integrated, hierarchic, regionalized and problem-solving system to the issues related to conditions identified in the epidemiological rates. The pointed challenges objectify to educate professionals who can acknowledge determinants to health needs perceived by families and users living in the coverage area of local health services and, thus, reverse the current intervention model.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2010-05-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.