• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.84.2009.tde-27062011-092712
Documento
Autor
Nome completo
Martha Gallardo Sala
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Urquidi, Vivian Grace Fernandez Davila (Presidente)
Cacciamali, Maria Cristina
More, Rodrigo Fernandes
Título em português
Assistência consular a presos estrangeiros nos Estados Unidos: o caso do México
Palavras-chave em português
Assistência consular
Corte internacional de justiça
Estados Unidos
México
Presos estrangeiros
Resumo em português
A Assistência Consular aos nacionais do Estado que envia está indicada no artigo 5º da Convenção de Viena sobre Relações Consulares entre as diversas funções consulares. O artigo 36º do mesmo diploma, com o intuito de facilitar o exercício das funções consulares, concede direitos ao cidadão estrangeiro e ao Estado que envia, e impõe deveres às autoridades locais do Estado receptor. A normativa exige que as autoridades locais, sem tardar, informem à repartição consular competente da detenção de um nacional do Estado que envia quando este for preso. As autoridades locais deverão, ainda, informar ao preso estrangeiro deste direito e, a pedido dele, notificar sua detenção ao consulado, além de autorizar o acesso dos funcionários consulares ao detido. Neste trabalho analisa-se a importância deste direito, principalmente nos casos de pena de morte; e descreve-se o instituto da Assistência Consular, especialmente, no caso dos imigrantes mexicanos condenados à pena de morte nos Estados Unidos. A relevância do fenômeno migratório na América Latina, em especial de mexicanos aos Estados Unidos, faz deste caso um exemplo vital. Contribui-se, deste modo, com a discussão da normativa internacional na matéria consular como instrumento de cidadania e de realização dos direitos humanos. Apresenta-se a posição da Corte Internacional de Justiça - principal órgão judiciário internacional para a resolução de conflitos entre Estados e, comparativamente, para o âmbito regional, se introduz a posição da Corte Interamericana de Direitos Humanos. A partir da análise do Direito Internacional e da situação do principal contingente de migrantes nos Estados Unidos, os latino-americanos e entre eles os mexicanos, este trabalho colabora para a melhor compreensão dos processos de integração no continente.
Título em inglês
The consular assistance to an arrested foreigner at United States: the case of Mexico
Palavras-chave em inglês
Consular assistance
Foreign arrested
International world court
México
United States
Resumo em inglês
The consular assistance to the national citizen of the sending State is provided in article 5 of the Convention of Vienna on Consular Relations between the diverse consular functions. The article 36 of the same diploma with the purpose of making the exercise of consular functions easy it grants rights to the foreign citizen and to the sending State; and impose duties to the local authorities of the receiving State. It requires that the local authorities inform, without delay, the competent consular post as to the detention of a national citizen of the sending State. The local authorities will also have to inform the foreign prisoner about such right, at the pisoners request, the authorities shall notify the detention to the consulate; besides authorize the access of the consular officers to the prisoner. This piece, analyzes the importance of this right, specially in the cases of death penalty; and describes the Consular Assistance institute, particularly, in respect to Mexican immigrants prisoners with a death penalty sentence in the United States. The relevance of the migratory phenomenon in Latin America, above all of the Mexicans in United States, makes this situation a vital example. It contributes, in this sense, with the discussion of international law in consular matters, as an instrument of citizenship and human rights achievement. It presents the International Court of Justice position - main international law judicial organism to solution of conflict between States - and, by comparison, the Inter-American Commission on Human Rights position, in the regional sphere. Upon the analysis of International Law and the main contingent of migrants in the United States circumstances - the Latin-Americans, and among them, the Mexicans, this piece contributes to a better understanding of the integration process on the continent.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-06-27
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.