• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.89.2009.tde-23112009-145933
Documento
Autor
Nome completo
Rosângela Aparecida Augusto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2009
Orientador
Banca examinadora
Souza, José Maria Pacheco de (Presidente)
Campino, Antonio Carlos Coelho
Gimeno, Suely Godoy Agostinho
Mondini, Lenise
Rondó, Patricia Helen de Carvalho
Título em português
Avaliação da efetividade de programa governamental de distribuição de leite fortificado no crescimento de crianças de 6 a 24 meses de famílias de baixa renda, residentes no interior do Estado de São Paulo
Palavras-chave em português
Antropometria
Avaliação de programas
Efetividade
Recuperação nutricional
Regressão linear multinível (modelo misto)
Suplementação alimentar
Resumo em português
Introdução: A avaliação dos resultados de políticas públicas de suplementação alimentar em condições reais de sua operacionalização (efetividade) é um instrumento imprescindível para área de saúde pública. Objetivos: Avaliar a efetividade de programa governamental de suplementação alimentar no crescimento de crianças, segundo o estado nutricional ao ingressar. Métodos: Estudo de coorte com dados secundários de 25.433 crianças de baixa renda com idade entre 6 a 24 meses que ingressaram em programa de distribuição de leite fortificado "Projeto Vivaleite" de 2003 a 2008, em 311 municípios do Estado de São Paulo. O crescimento foi medido por meio dos valores de escore z de peso para idade (PI), calculados pelo padrão OMS/2006, obtidos, na rotina do programa, ao ingressar e a cada 4 meses durante a permanência. Os critérios de inclusão foram ter idade ao ingressar entre 6 a 24 meses, ter pelo menos duas pesagens, incluindo a obtida na entrada, e não ter relatos de problemas de saúde. As crianças foram divididas em três grupos de escore z ao entrar: sem comprometimento de peso (z> -1); risco de baixo peso (-2 ≤z< -1) e baixo peso (z<-2). Utilizou-se regressão linear multinível (modelo misto), permitindo a comparação, em cada idade, das médias ajustadas do escore z de ingressantes e participantes há pelo menos quatro meses, ajustadas para correlação entre medidas repetidas. Resultados: Verificou-se efeito positivo do Programa no ganho de peso das crianças, variando em função do estado nutricional ao ingressar; para as que entraram sem comprometimento de peso o ganho médio ajustado foi 0,1827 escore z, entre as que entraram com risco de baixo peso foi 0,5659 e entre as ingressantes com baixo peso foi 1,0049 escore z. Conclusões: O programa é efetivo para o crescimento infantil, medido pelo escore z PI, com efeito mais pronunciado entre as crianças que entram no programa em condições menos favoráveis de peso.
Título em inglês
Evaluation the effectiveness of a state-run food supplementation program for child growth according to childrens nutritional status at enrollment
Palavras-chave em inglês
Anthropometry
Effectiveness
Food supplementation
Multi-level linear regression (mixed model)
Nutrition rehabilitation
Program evaluation
Resumo em inglês
OBJECTIVE: To assess the effectiveness of a state-run food supplementation program for child growth according to childrens nutritional status at enrollment. METHODS: Cohort study including secondary data of 25,433 low-income children aged between 6 and 24 months enrolled in a fortified milk program "Projeto Vivaleite" in 311 cities in the State of São Paulo, Brazil, between 2003 and 2008. Children's growth was assessed based on weight-for-age (WA) z-scores, estimated following WHO criteria (2006). Data was routinely collected at the program enrollment and every 4 months. Inclusion criteria were: being 6 to 24 months of age at enrollment; having at least two weight measures including the first measure at enrollment; and not having any ill health conditions. At enrollment, children were categorized into three groups based on their z-scores: no compromised weight gain (z> 1); at risk of low weight (-2 ≤z< -1), and low weight (z< -2). Multilevel linear regression analysis (mixed model) was performed for comparison, considering age, of adjusted average z-scores between new children enrolled and those in the program for at least four months, adjusted for correlation between repeat measures. RESULTS: The program had a positive effect on children's weight gain. Based on their nutritional status at enrollment, adjusted average weight gain z-score was 0,1827 in children with compromised weight gain, 0,5659 in those at risk of low weight, and 1,0049 in those with low weight. CONCLUSIONS: The milk program is effective for child growth, as measured by WA z-scores. The most pronounced effect was seen among children who showed less favorable levels of weight at enrollment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
teserosangela.pdf (4.62 Mbytes)
Data de Publicação
2010-03-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.