• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.9.2011.tde-01082011-152914
Documento
Autor
Nome completo
Jonathan de Magalhães Andrade
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2011
Orientador
Banca examinadora
Nascimento, João Roberto Oliveira do (Presidente)
Gaspar, Marília
Lajolo, Franco Maria
Título em português
Análise diferencial do proteoma da polpa de manga (Mangifera indica L.) e identificação de proteínas com variação de abundância durante o amadurecimento pós-colheita
Palavras-chave em português
2D-DIGE
Amadurecimento
Manga
Pós-colheita
Proteômica
Resumo em português
A manga (Mangifera indica L.) é cultivada em áreas tropicais e subtropicais, principalmente em países em desenvolvimento. Os maiores produtores são a Índia, China, México, Indonésia, Tailândia, Paquistão e Brasil, mas, por ser uma fruta altamente perecível, suas exportações têm sido limitadas. Durante o amadurecimento, as frutas adquirem características que as tornam adequadas para o consumo como conseqüência de alterações metabólicas dependentes, em larga medida, da expressão de genes específicos. Uma vez que as proteínas são os elementos efetores da expressão gênica, a análise de proteomas pode auxiliar na identificação de pontos de controle do metabolismo determinantes para a qualidade desses alimentos. Assim, o objetivo do trabalho é identificar spots de proteínas diferentemente abundantes durante o amadurecimento a partir dos mapas 2D-DIGE das polpas de mangas (Mangifera indica L.) da cultivar Keitt nos estádios pré-climatérico e climatérico. Após extração das proteínas e separação por 2D-DIGE, as imagens dos géis obtidas foram analizadas com o software PDQuest, utilizando o teste T de Student para a análise estatística. Dentre os spots protéicos bem resolvidos e considerados na análise, os 47 que apresentaram-se diferentemente abundantes entre os estádios estudados foram removidos dos géis, suas proteínas digeridas e, enfim, sequenciadas por espectrometria de massas. Foram obtidas as identidades prováveis de 58 proteínas diferentes a partir da comparação das sequencias obtidas com banco de dados NCBI2010, utilizando o software Mascot.
Título em inglês
Differential proteomic analysis of mango fruit pulp (Mangifera indica L.) during postharvest ripening
Palavras-chave em inglês
2D-DIGE
Mango
Postharvest
Proteomics
Ripening
Resumo em inglês
Mango fruit (Mangifera indica L.) is cultivated in tropical and subtropical areas, mainly in developing countries. India, China, Mexico, Indonesia, Thailand, Pakistan and Brazil are the major producers, but its trade has been limited due the highly perishable nature of the fruit. During ripening, the fruits acquire characteristics that make them appropriate for consumption as a consequence of metabolic changes dependent on the expression of specific genes. As proteins are the effector elements of gene expression, proteome analysis can help the identification of metabolism keypoints that could influence the fruit quality. Thus, the aim of this study was to compare the protein maps of mango pulp (Mangifera indica L. cv. Keitt) in pre-climacteric and climacteric stages, in order to identify protein spots that differ in abundance in these two stages. After protein extraction and separation by 2D-DIGE technique, the gel images obtained were analyzed with PDQuest software, using the Student´s T-test for statistical analysis. We obtained 47 spots differently abundant between the stages studied, that were excised from the gels and its proteins digested with trypsin and sequenced by mass spectrometry. We obtained the identities of 58 distinct proteins from the search of the peptide sequences against NCBI2010 database using the software Mascot.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2011-08-18
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • ANDRADE, Jonathan de Magalhães, et al. 2D-DIGE analysis of mango (Mangifera indica L.) fruit reveals major proteomic changes associated with ripening [doi:10.1016/j.jprot.2012.03.047]. Journal of Proteomics [online], 2012, vol. 75, n. 11, p. 3331-3341.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.