• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.9.2017.tde-07122015-175106
Documento
Autor
Nome completo
Natália Pratis Perina Giampietro
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2015
Orientador
Banca examinadora
Oliveira, Marice Nogueira de (Presidente)
Bogsan, Cristina Stewart Bittencourt
Silva, Roberta Claro da
Barbuti, Ricardo Corrêa
Leblanc, Jean Guy
Título em português
Leite fermentado e tecido adiposo visceral - possível efeito emagrecedor em obesos e portadores de síndrome metabólica
Palavras-chave em português
Fibra
Leite fermentado
Obesidade
Probiótico
Síndrome metabólica
Resumo em português
O trato gastrointestinal de humanos é rico em microrganismos que, podem tanto ser benéficos para a saúde do hospedeiro, prevenindo e/ ou tratando a intolerância à lactose, constipação intestinal, síndrome do intestino irritável, entre outras, quanto podem prejudicá-lo, afetando a aquisição de nutrientes e produção de mediadores inflamatórios. Estes distintos papéis da microbiota intestinal são tão marcantes que podem, inclusive, influenciar no desenvolvimento da obesidade em algumas pessoas, podendo levar até mesmo à Síndrome Metabólica. Probióticos e prebióticos podem conferir alterações nas propriedades da microbiota, afetando o crescimento bacteriano e seu metabolismo e, até mesmo, o uso de nutrientes. Assim, o objetivo geral deste trabalho foi avaliar o efeito do uso de leite fermentado simbiótico na obesidade e nos indicadores de Síndrome Metabólica, como circunferência de cintura, TGL, HDL-c, glicemia e pressão arterial, em pacientes com predisposição a esta doença, selecionados de acordo com os critérios de diagnóstico para síndrome metabólica. Para esta pesquisa foram desenhados quatro produtos, três deles inoculados com uma cultura comercial de probiótico - Bifidobacterium lactis (BL420), adicionados ou não de casca de maracujá em pó (prebiótico), sendo um deles preparado com uma emulsão de óleos vegetais, que apresenta efeito em prolongar a saciedade; e o quarto produto, fermentado apenas com a cultura clássica Streptococcus thermophilus. Avaliaram-se as propriedades tecnológicas dos produtos - físico-química, sensorial, microestrutura, microbiológica, e estudaram-se seus aspectos funcionais. Finalmente, os produtos foram testados em consumidores ao longo de um ensaio clínico durante 12 semanas, período no qual os voluntários tiveram que consumir 100 mL do produto, duas vezes ao dia, todos os dias. A avaliação dos voluntários foi feita antes do início do ensaio e também aos ao final dos 90 dias.
Título em inglês
Fermented milk and adipose visceral tissue - possible slimming effects in obese and patients with metabolic syndrome.
Palavras-chave em inglês
Fermented Milk
Fiber
Metabolic Syndrome
Obesity.
Probiotic
Resumo em inglês
The gastrointestinal tract of humans is rich in microorganisms which can both be beneficial to host health, preventing and / or treating lactose intolerance, constipation, irritable bowel syndrome, among others, as they can harm, affecting nutrient acquisition and the production of inflammatory mediators. These distinctive roles of intestinal microbiota are so striking that can even influence the development of obesity in some people and may even lead to metabolic syndrome. Probiotics and prebiotics can confer alterations in the microbiota properties, affecting the bacteria growth and their metabolism, and the use of nutrients. Thus, the aim of this study was to evaluate the use of innovative symbiotic fermented milk in obesity and metabolic syndrome indicators such as waist circumference, TGL, HDL-C, blood glucose and blood pressure in patients with a predisposition to this disease, selected according to the diagnostic criteria for metabolic syndrome. For this, four fermented mik were designed, three of them inoculated with a commercial probiotic culture - Bifidobacterium lactis (BL420), added or not by passion fruit peel powder (prebiotic), one of them being prepared with an emulsion of vegetable oil, which has effect on prolonguing satiety; and the fourth product, fermented only with the classical culture Streptococcus thermophilus. Products´ technological properties were evaluated - physico chemical, sensory, microstructure, microbiology, and functional aspects were studied. Finally products were tested in consumers throughout a clinical trial during 12 weeks, period in which the volunteers had to consume 100 mL of the product twice a day, every day. The evaluation of the volunteers was done before the start of the test and also at the end of the 90 days.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-07-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.