• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
Documento
Autor
Nome completo
Patricia Barros dos Santos
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2010
Orientador
Banca examinadora
Stephano, Marco Antonio (Presidente)
Almeida, Sandro Rogerio de
Sant'Anna, Osvaldo Augusto Brazil Esteves
Título em português
Efeito imunomodulatório do resveratrol em células do sistema imune in vitro e na administração via oral de ovalbumina em camundongos
Palavras-chave em português
Citocinas
Imunidade de mucosa
Imunomodulação
Macrófagos
Resveratrol
Tolerância
Resumo em português
O resveratrol, um polifenol de origem natural, é descrito como uma substância antiinflamatória, antioxidante, cardioprotetora e anticancerígena. Diversos estudos comprovam a atividade imunomodulatória do resveratrol in vitro e in vivo, estimulando ou diminuindo a secreção de citocinas envolvidas na resposta Th1/Th2. Além do uso em vacinas como adjuvantes, a descoberta de novas substâncias imunomodulatórias pode ser aplicada na profilaxia e tratamento de doenças imunodegenerativas com perda da tolerância sistêmica ou periférica. O objetivo desse estudo é relacionar o efeito modulador do resveratrol em ensaios de endocitose em macrófagos e de secreção de citocinas IL-6(produção de IgA) e IL-10(resposta Th2 e tolerância em mucosas) com a produção de anticorpos anti-ova IgG e IgA após imunização via-oral. Os resultados obtidos demonstraram que in vitro, houve aumento da endocitose em macrófagos e diminuição na secreção de IL-6 pelas células isoladas de placas de peyer em concentrações abaixo de 50 µM de resveratrol. Após a administração oral de resveratrol de 5 mg e 10 mg/kg observou-se o aumento significativo da secreção de IL-10 em esplenócitos isolados de camundongos Balb/C. Nos grupos imunizados com 1 mg de ovalbumina/animal e resveratrol (5 mg e 10 mg/kg) via oral 2 vezes, com 14 dias de intervalos, houve aumento significativo da produção de IgG sérico em relação ao grupo imunizado somente com ovalbumina. Porém a produção de IgA sérico e em lavado intestinal diminuiu, indicando um possível aumento da tolerância oral. Esses resultados demonstram o efeito imunomodulador do resveratrol in vitro/in vivo e a necessidade de maiores estudos sobre o uso desta substãncia como adjuvante de vacinas ou uma droga imunossupressora de mucosa.
Título em inglês
Immunomodulatory effects of resveratrol on immune cells in vitro and in oral administration of ovalbumin in mice.
Palavras-chave em inglês
Cytokines
Immunomodulation
Macrophages
Mucosal immunity
Resveratrol
Tolerance
Resumo em inglês
Resveratrol, a polyphenol of natural origin, is described as a substance-inflammatory, antioxidant, cardioprotective and anticancer. Several studies have demonstrated the immunomodulatory activity of resveratrol in vitro and in vivo, stimulating or decreasing the secretion of cytokines involved in Th1/Th2 response. Besides the use as adjuvants in vaccines, the discovery of new immunomodulatory substances can be applied for prophylaxis and treatment of diseases imunodegenerativas with loss of peripheral tolerance or systemic. The aim of this study is to relate the modulating effect of resveratrol on tests of endocytosis in macrophages and secretion of IL-6 (IgA production) and IL-10 (Th2 response and mucosal tolerance) with the production of anti-ova IgG and IgA after oral immunization route. The results of in vitro tests showed an increase of endocytosis in macrophages and decrease in IL-6 secretion by cells isolated from Peyer's patches at concentrations below 50 mM of resveratrol. After oral administration of resveratrol 10 mg / kg was observed to significantly increase the secretion of IL-10 in splenocytes isolated from Balb / C. In groups immunized with 1 mg ovalbumin / animal and resveratrol (5 mg and 10 mg / kg) orally two times with 14 days intervals, significant increase of IgG level in relation to the group immunized with ovalbumin only. But the production of IgA in serum and intestinal lavage decreased, indicating a possible increase in oral tolerance. These results demonstrate the immunomodulatory effect of resveratrol in vitro / in vivo and the need for more studies on substance use as a vaccine adjuvant or immunosuppressive drugs mucosa.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
pbarros.pdf (666.39 Kbytes)
Data de Publicação
2011-08-18
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2021. Todos os direitos reservados.