• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Disertación de Maestría
DOI
10.11606/D.90.2010.tde-23112011-090931
Documento
Autor
Nombre completo
Andrea Pimenta Ambrozevicius
Dirección Electrónica
Instituto/Escuela/Facultad
Área de Conocimiento
Fecha de Defensa
Publicación
São Paulo, 2010
Director
Tribunal
Brandimarte, Ana Lucia (Presidente)
Fracalanza, Ana Paula
Sáfadi, Regina Sawaia
Título en portugués
Poluição aquática em Santos (SP): uma abordagem interdisciplinar
Palabras clave en portugués
ecotoxicologia
entrevistas
interdisciplinaridade
políticas públicas
poluição aquática
Santos
Resumen en portugués
A poluição aquática em Santos é uma questão ambiental prioritária, interdisciplinar por natureza, devido aos seus efeitos ecológicos, de saúde pública e sócio-econômicos. Trata-se de um problema amplamente relatado, cuja evolução acompanhou o histórico de desenvolvimento econômico da região. A presente pesquisa partiu de análises pontuais de um único, porém representativo, canal de drenagem pluvial urbana e das praias receptoras de seu conteúdo, para uma análise da poluição aquática no município como um todo. Para isso, foram usadas diferentes metodologias: coletas de amostras de água do canal e do mar, seguidas de análises físicas, químicas e ecotoxicológicas; pesquisas sobre as políticas públicas relacionadas à poluição hídrica local e aplicação de entrevistas estruturadas em frequentadores das praias. Além disso, foi analisada uma série histórica de dados microbiológicos das águas costeiras santistas. Os resultados indicam toxicidade aguda eventual nas amostras do canal e toxicidade crônica nas amostras da água do mar, coletadas em 2007, e severa contaminação de origem fecal, ao menos nas últimas três décadas. A pesquisa sobre as políticas públicas constatou que algumas surtiram efeitos positivos, mas não foram suficientes para melhorar a qualidade da água e mantê-la adequada, seja por sua descontinuidade, seja pelo crescimento acelerado no município, tanto demográfico, quanto econômico. A maioria das ações tem despontado em resposta a situações críticas, sendo implantadas sem planejamento adequado, visando conter apenas as conseqüências ambientais, e não as reais causas dos problemas. Como as políticas públicas geralmente não surgiram de processos de gestão participativa, também foram analisados alguns instrumentos de participação pública vigentes em Santos existe um envolvimento ainda incipiente da população, mas com iniciativas interessantes e potencialmente viáveis. Em relação às entrevistas, foram analisadas as respostas de 83 pessoas, entre as quais 77% eram residentes e o restante turistas. A maioria dos entrevistados acredita que as praias estão poluídas e que a situação dos canais é ainda mais crítica, corroborando com os resultados encontrados nas análises ecotoxicológicas e com os dados de contaminação microbiológica. Grande parte dos entrevistados não se banha justamente pela qualidade da água duvidosa, mas não se sentem responsáveis pela situação, nem demonstram iniciativa para pressionar o poder público a revertê-la. Quando os dados da pesquisa são integrados, é possível constatar que a qualidade da água das praias de Santos é crítica, como resultado de um modelo insustentável de desenvolvimento, com falta de planejamento e políticas públicas inconsistentes. Essa situação é agravada pela passividade observada entre muitos dos frequentadores das praias, que, apesar de cientes da poluição, não se envolvem na busca de soluções. Espera-se que a pesquisa contribua para o controle da contaminação aquática local, através do estabelecimento de políticas e ações que considerem todas as dimensões do problema e especialmente as suas causas. O presente estudo demonstra que a integração de diferentes métodos de avaliação permite uma compreensão maior acerca dos problemas ambientais e consequentemente pode subsidiar soluções mais efetivas. Além disso, foi enfatizada a importância da interdisciplinaridade em estudos de questões ambientais.
Título en inglés
Aquatic Pollution in Santos (SP): an interdisciplinary approach.
Palabras clave en inglés
aquatic pollution
ecotoxicology
interdisciplinarity
interviews.
public politics
Santos
Resumen en inglés
The aquatic pollution in Santos is a priority environmental issue, which presents many dimensions, as the ecological, public health and socioeconomic ones, having thus an interdisciplinary nature. This question has been extensively studied and its evolution was strictly related to the history of the regional economic development. The first phase of the present survey consisted of punctual analyses, made during 2007, of a single (but representative) urban pluvial drainage channel and the receiving beaches which are directly influenced by its contribution (i.e., to its contaminants inputs), in order to estimate the water quality (according to the aquatic pollution) in the overall shore. To achieve that, different methods were employed: sampling of channel and sea waters, and physical, chemical and ecotoxicological analyses. The second phase consisted of an investigation on the public policies related to the local hydric pollution. Concomitantly, as the third part of this survey, we conducted a study on the public knowledge on the aquatic pollution, by the application of structured interviews to the beaches users. Complementarily, the historical series of microbiological data for the coastal waters of Santos was assessed, to provide additional data. The results indicated eventual acute toxicity of channel water samples and chronic toxicity of sea water samples, and a severe fecal contamination at least in the last three decades. The evalution of public policies indicated that even though some of them had positive effects, they were not sufficient to improve the water quality and to maintain it appropriate, whether due to their discontinuity, whether to the demographic and economic accelerated growth of the city. The majority of actions have been implemented as responses to critical situations, without proper and wider planning, aiming only to control the consequences, and not the real causes of the problems. The public policies generally were not a product of participative processes; some instruments of public participation in Santos also were analyzed the involvement of the population is still incipient. However there are interesting and potentially viable initiatives. Regarding to the interviews, 83 beach users were considered to this survey, 77% were local residents and the remaining were tourists. The most interviewees believe that beaches are polluted and that the channels situation is still more critic, being in accordance with the results of ecotoxicological and microbiological data. Many of the beach users do not have contact with sea water due to its doubtful quality, but they do not feel responsible for the situation and not show initiative to press the public governement to act. When the obtained data are integrated, it is possible to notice that the water quality in Santos beaches is critical, as a product of an unsustainable model of development, lacking of planning and inconsistent public policies. The situation is aggravated due to the passivity observed among many of the beach users, who are aware of the pollution, but do not involve themselves to find effective solutions. We hope that this research may contribute to the control of aquatic local contamination, by the establishment of policies, enforcements and actions which consider all the dimensions of the problem, in special its causes. Moreover this research demonstrated that the integration of the different assessment methods may provide a stronger comprehension of the environmental issues and which consequently can subsidize much more effectively their solutions. Therefore it is highlighted the importance of interdisciplinarity to the studies involving environmental issues.
 
ADVERTENCIA - La consulta de este documento queda condicionada a la aceptación de las siguientes condiciones de uso:
Este documento es únicamente para usos privados enmarcados en actividades de investigación y docencia. No se autoriza su reproducción con finalidades de lucro. Esta reserva de derechos afecta tanto los datos del documento como a sus contenidos. En la utilización o cita de partes del documento es obligado indicar el nombre de la persona autora.
andreapimetna.pdf (1.97 Mbytes)
Fecha de Publicación
2011-11-24
 
ADVERTENCIA: Aprenda que son los trabajos derivados haciendo clic aquí.
Todos los derechos de la tesis/disertación pertenecen a los autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Tesis y Disertaciones de la USP. Copyright © 2001-2020. Todos los derechos reservados.