• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.91.2014.tde-16092014-172921
Documento
Autor
Nome completo
Sueli Aparecida Moreira
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2014
Orientador
Banca examinadora
Martirani, Laura Alves (Presidente)
Beltrame, Ideraldo Luiz
Cabral, Alicia
Loss, Igor de Oliveira
Piedade, Sonia Maria de Stefano
Título em português
Ecologia dos convívios comensais de jovens órfãos pela AIDS em São Paulo
Palavras-chave em português
Comensalidade
Comportamento alimentar
Práticas alimentares
Refeições familiares
Resumo em português
A refeição familiar desempenha uma função estruturante das relações sociais, mas os convívios comensais de jovens órfãos com suas famílias podem ser afetados no contexto da orfandade pelo HIV/AIDS. Como parte de um projeto de pesquisa temático sobre Estigma e Discriminação relacionados ao HIV/AIDS, realizou-se um estudo para apreender os aspectos condicionantes das refeições familiares e caracterizar os convívios comensais de jovens órfãos pela AIDS em São Paulo. Portanto, realizou-se um estudo transversal com abordagem qualitativa e quantitativa a partir de perspectiva interdisciplinar entre antropologia da alimentação, saúde pública e ecologia cultural. Na fase qualitativa, foram utilizadas 19 entrevistas com jovens órfãos pela AIDS. As narrativas foram percorridas em busca de categorias contextuais e da sincronia de convívios espaciais e temporais para refeições. Na abordagem quantitativa, utilizou-se amostra com 276 jovens órfãos pela AIDS. Foram realizadas análises descritivas dos dados com distribuição de frequências e posteriormente foi aplicado o teste de Rao Scott. Os testes foram conduzidos em nível de significância de 5% e poder de teste de 80%. Para realização destas análises utilizou-se do programa STATA 10.0. As metodologias foram consideradas complementares e o processo de construção da análise foi desenvolvido a partir da ideia de artesanato intelectual proposta por Wright Mills (2009). Os resultados demonstraram que (1) a refeição familiar reflete a estrutura familiar; (2) a refeição atua como eixo da sincronia familiar em ritmos temporais e espaciais, e (3) as refeições refletem as mudanças nos convívios contemporâneos e os compromissos temporais com a família favorecem a adaptabilidade do jovem órfão em contexto urbano.
Título em inglês
Ecology of commensals gatherings of young people orphaned by AIDS in São Paulo
Palavras-chave em inglês
Edibility
Family meals
Feeding behavior
Feeding practices
Resumo em inglês
The family meal plays a structuring role in social relations, but commensal gatherings of young orphans and their families might be affected in the context of orphaned by HIV/AIDS. As part of a themed research project on Stigma and Discrimination Related to HIV/AIDS, this study was conducted in order to understand all conditioning aspects of family meals and to characterize commensal gatherings of young people orphaned by AIDS in São Paulo. For such, we performed a crosssectional study with qualitative and quantitative approaches from an interdisciplinary perspective between food anthropology, public health and cultural ecology. In the qualitative phase, interviews with 19 young people orphaned by AIDS were used. The narratives were covered in search of contextual categories and synchrony of spatial and temporal gatherings for meals. The quantitative approach was used to sample 276 young people orphaned by AIDS. Descriptive analyzes of the data with frequency distribution were performed and then the Rao Scott test used. Tests were conducted at a significance level of 5% and power of 80%. For these analyzes we used the STATA 10.0 software. The methodologies were complementary and stemmed from the idea of intellectual craft proposed by Wright Mills (2009). The results showed that (1) the family meal reflects the family structure; (2) the meal acts as an axis of family synchrony in spatial and temporal rhythms, and (3) meals reflect changes in contemporary gatherings and family time commitments promote the adaptability of the young orphan in an urban context.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-09-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.