• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.91.2014.tde-25072014-173318
Documento
Autor
Nome completo
Juliana Hernandes Antunes
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Piracicaba, 2014
Orientador
Banca examinadora
Garavello, Maria Elisa de Paula Eduardo (Presidente)
Costa, Manoel Baltasar Baptista da
Mendes, Flávio Bertin Gandara
Título em português
A relação das práticas dos moradores de propriedades rurais com a conservação dos fragmentos florestais, na perspectiva da sustentabilidade
Palavras-chave em português
Fragmentos florestais
Práticas
Residentes rurais
Sustentabilidade
Resumo em português
A partir do desencantamento do mundo natural, no século XVI, ocorrem alterações na relação ambiente e sociedade, possibilitando a poluição e depredação do meio para o acumulo de capital. E desde então, o modelo de desenvolvimento, amplamente difundido nas áreas rurais, vem promovendo a degradação ambiental e fragmentação florestal. Esta, por sua vez, está diretamente relacionada com a tomada de decisão dos moradores das áreas rurais, em suas práticas, sendo esta condicionada ao sistema cultural vigente. A hipótese testada foi de que quanto maior é a relação dos moradores das propriedades rurais com o mercado e a vida urbana, menor é a conservação dos fragmentos florestais e o objetivo deste estudo foi avaliar a relação existente entre as práticas dos moradores rurais do município de Jacareí e a presença dos fragmentos. Pretendeu-se também identificar quais práticas seriam compatíveis com os pressupostos de sustentabilidade, em suas diferentes dimensões, numa realidade concreta, de tal modo que tal análise pudesse contribuir como subsídios para propostas de políticas públicas voltadas para esse enfoque. Realizou-se um estudo de caso da área rural de Jacareí onde foram selecionadas 6 propriedades rurais localizadas em 10 estradas principais do município, totalizando uma amostra de 60 unidades. A escolha das propriedades foi aleatória, sendo realizada entrevista semi-estruturada e observação in loco dos fragmentos e quintais florestais. Identificou-se que existem práticas que podem contribuir para a não conservação e ou/preença dos fragmentos florestais, principalmente naquelas propriedades relacionadas com o mercado, com monocultivo e também aquelas de lazer. Observou-se também que existem também diferentes culturas e práticas que contribuem com a conservação dos atributos naturais e dos fragmentos florestais, como os policultivos e os sistemas agroflorestais, alem da agricultura familiar, que estão inseridas em uma perspectiva ambiental da sustentabilidade. Foi possível estabelecer que as estratégias para alcançá-la implicam na ampliação e valorização da agricultura familiar e dos sistemas agroflorestais ali existentes. Estas estratégias constituem-se o ponto de partida para o planejamento de políticas públicas voltadas ao meio rural sendo necessário também considerar os aspectos que privilegiam as outras dimensões da sustentabilidade, além da ecológica.
Título em inglês
The relationship of the rural properties residents practices with conservation of forest fragments in the perspective of sustainability
Palavras-chave em inglês
forest fragments
practices
rural residents
sustentability
Resumo em inglês
From the disenchantment of the natural world in the sixteenth century, changes in the environment and society relationship occurred, allowing pollution and depredation of the environment for the accumulation of capital. And since then, the development model, widespread in rural areas, has been promoting environmental degradation and forest fragmentation. This, in turn, is directly related to the decision making of the residents of rural areas in their practice, which is subject to prevailing cultural system. The hypothesis tested was that the greater the ratio of residents of rural properties with the market and urban life, lower conservation of forest fragments and objectives of this study were to evaluate the relationship between practices of rural residents of the municipality of Jacarei and conservation of fragments. Also, to identify which practices would be consistent with the assumptions of sustainability in its various dimensions, in reality, so that this analysis could contribute as grants for proposals for public policies that focus. We conducted a case study of the rural area where Jacarei 6 were selected farms located in 10 major roads of the city, in a sample of 60 units. The choice of properties was random, semi-structured interviews and on-site observation of forest fragments and backyards being held. It was identified that there are practices that do not promote the conservation of forest fragments, especially those properties related to the market, and also those with monoculture leisure. It was also observed that there are different cultures and practices that promote the conservation of natural attributes and forest fragments, as polycultures and agroforestry systems beyond the family farm, that are inserted into an environmental sustainability perspective. It was possible to establish that the strategies to achieve it imply the expansion and enhancement of family agriculture and agroforestry therein. These strategies constitute the starting point for planning aimed at rural public policy is also necessary to consider the aspects that favor the other dimensions of sustainability, ecological beyond.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-08-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.