• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.93.2013.tde-18122013-143444
Documento
Autor
Nome completo
Eduardo Augusto Alves de Almeida
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2013
Orientador
Banca examinadora
Castro, Eliane Dias de (Presidente)
Pereira, Joao Augusto Frayze
Stigger, Verônica Antonine
Título em português
Aspectos da Estruturação do Self de Lygia Clark: perspectivas críticas
Palavras-chave em português
Arte contemporânea brasileira
Estruturação do Self
Lygia Clark
Teoria e crítica
Resumo em português
Esta pesquisa se dedica a questões conceituais da arte contemporânea implicadas na proposição intitulada Estruturação do Self, desenvolvida pela artista brasileira Lygia Clark entre 1978 e 1988, que se coloca num limite ambíguo entre a arte e a terapia. Por meio de perspectivas críticas é possível analisar determinados aspectos daquela experiência, seus desdobramentos, territórios e paradigmas, de modo a compreender melhor suas contribuições ao pensamento artístico contemporâneo. Esses aspectos dizem respeito à recepção estética da obra e sua relação com determinados públicos da arte; às maneiras de pensar e fazer arte; ao seu tempo; às possíveis aproximações com outros campos de conhecimento, tais como filosofia e psicologia; aos lugares em que a arte se apresenta (museu, galeria, ateliê, clínica); às questões éticas e políticas que movimenta; à produção crítica. Em suma, trata-se de perceber o que há de contemporâneo no trabalho de Lygia Clark e de revisitar o próprio pensamento artístico a partir dele.
Título em inglês
Aspects of Lygia Clark's Structuring of the Self: critical perspectives
Palavras-chave em inglês
Brazilian contemporary art
Lygia Clark
Structuring of the Self
Theory and criticism
Resumo em inglês
This research engages in conceptual issues of contemporary art implicated in the entitled proposition Structuring of the Self, developed by the Brazilian artist Lygia Clark between 1978 and 1988, which puts itself in an ambiguous boundary between art and therapy. Through critical perspectives it is possible to analyze certain aspects of that experience, its development, territories and paradigms in order to better understand its contributions to the contemporary artistic thought. These aspects concern to the aesthetic reception of the work and its relation to a certain public of art; to the ways of thinking and doing art; to its own time; to the possible approaches with other areas of knowledge, such as philosophy and psychology; to the places where the art is presented (museum, gallery, atelier, clinic); to its ethical issues and policies; to the critical production. In short, it is about realizing what is of contemporary in the Lygia Clark's work and, from it, to review the artistic thought itself.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-04-25
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2019. Todos os direitos reservados.