• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.96.2014.tde-30092014-165742
Documento
Autor
Nome completo
Anelise Krauspenhar Pinto
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Ribeirão Preto, 2014
Orientador
Banca examinadora
Bialoskorski Neto, Sigismundo (Presidente)
Souza, José Paulo de
Protil, Roberto Max
Título em português
A relação entre a riqueza criada e o desempenho econômico-financeiro das cooperativas agropecuárias brasileiras
Palavras-chave em português
Cooperativas Agropecuárias
Desempenho Econômico-Financeiro
Riqueza Criada
Resumo em português
A presente pesquisa tem como objetivo identificar a relação entre a riqueza criada e o desempenho econômico-financeiro das cooperativas agropecuárias no Brasil. As cooperativas são organizações econômicas intermediárias, que prestam serviços aos associados, satisfazendo suas necessidades econômicas particulares. O fato é que além das sobras, que pode ser uma estratégia das cooperativas a partir dos interesses dos associados, as cooperativas também prestam serviços, como assistência técnica, orientação, compra de insumos/produtos, comercialização, agregando valor e gerando riqueza aos associados. Assim, avaliar os resultados de uma cooperativa e o seu desempenho da mesma forma com que uma empresa, cuja finalidade é a maximização do lucro, é avaliada pode não ser o mais adequado. Identificou-se, então, a necessidade de buscar outra maneira que possa contribuir na mensuração dos resultados das cooperativas. A riqueza criada é uma maneira de avaliar o desempenho econômico e social de uma organização e, é evidenciada na Demonstração do Valor Adicionado. Para tanto, identificou-se a relação entre o valor adicionado produzido pela cooperativa e os índices econômico-financeiros relevantes na avaliação de desempenho das cooperativas agropecuárias, por meio do método estatístico de regressão de dados em painel, considerando 34 cooperativas agropecuárias brasileiras durante 5 anos consecutivos e, realizou-se um estudo de caso em uma cooperativa agropecuária da amostra a fim de identificar qual é o valor agregado produzido pela cooperativa e qual a sua estratégia de distribuição do valor adicionado ao produtor rural associado. Os resultados evidenciam que há variáveis de tamanho, rentabilidade e network inseridas no modelo que contribuem para explicar a riqueza gerada pelas cooperativas da amostra. A variável venda líquida, utilizada como proxy para tamanho, a margem de vendas, utilizada como proxy para rentabilidade e o fato da cooperativa participar de uma cooperativa central, proxy para network são significativas e estão relacionadas positivamente com a riqueza criada.
Título em inglês
The relationship between the value added and the financial performance of Brazilian agricultural cooperatives
Palavras-chave em inglês
Agricultural Cooperatives
Financial Performance
Value Added
Resumo em inglês
This research aims to identify the relationship between the value added and the financial performance of agricultural cooperatives in Brazil. Cooperatives are economic intermediary organizations that provide services to members, satisfying their particular economic needs. The fact is that besides the leftovers, which can be a strategy of cooperatives based on the interests of the members, the cooperatives also provide services such as technical assistance, guidance, purchase of inputs/products, marketing, adding value and generating value to members. Thus, evaluating the results of a cooperative and its performance in the same way that a company whose purpose is profit maximization, is valued may not be the most appropriate. Then, we identified the need to find another way to contribute to the measurement of the results of cooperatives. The value added is a way to evaluate the economic and social performance of an organization and is shown in the Value Added Statement. For this, we identified the relationship between the added value produced by the cooperative and the relevant economic and financial indicators in assessing the performance of agricultural cooperatives, using the statistical method of panel data regression considering 34 Brazilian agricultural cooperatives during five years consecutive and performed a case study in an agricultural cooperative of the sample in order to identify what is the value added produced by the cooperative and what is its distribution strategy of value added to the associated farmers. The results show that there are varying size, profitability and inserted into the network model that can contribute to the value added by the cooperatives of the sample. Net sales variable, used as a proxy for size, sales margin, used as a proxy for profitability and the fact that the cooperative part of a central cooperative proxy for network are significant and are positively related to value added.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2014-10-10
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.