• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Livre Docencia
DOI
10.11606/T.18.2017.tde-11052017-141404
Documento
Autor
Nome completo
Cira Souza Pitombo
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Carlos, 2016
Banca examinadora
Silva, Antonio Nelson Rodrigues da (Presidente)
Faria, Carlos Alberto
Parreira, Alexandre Benetti
Queiroz, Rudney da Conceicao
Sanches, Suely da Penha
Título em português
Geoestatística aplicada a problemas relativos à demanda por transportes
Palavras-chave em português
Escola modal
Geração de viagens
Krigagem
Modelagem tradicional de demanda por transportes
Variograma
Resumo em português
O comportamento individual relativo a viagens urbanas é influenciado, dentre outros fatores diversos, por atributos locacionais, sendo fortemente recomendada a análise espacial de demanda por transportes. A partir da hipótese principal de que a localização espacial influencia variáveis relativas à demanda por viagens, a linha de pesquisa Geoestatística aplica a problemas relativos à demanda por transportes foi proposta desde 2008. Assim, neste texto são apresentados, de forma sintética, os principais trabalhos subjacentes à linha de pesquisa, realizados nos últimos anos. É feita uma análise crítica acerca dos resultados obtidos de doze trabalhos, classificados segundo dois grandes temas: geoestatística aplica a geração de viagens e geoestatística aplica a escolha modal. Os trabalhos descritos são dissertações de mestrado já defendidas, artigos científicos publicados em periódicos nacionais e internacionais e artigos apresentados em congressos nacionais e internacionais. São listadas as contribuições e avanços para melhoria das estimativas, além dos desafios científicos e tecnológicos para superação das atuais limitações metodológicas, tais como: agregação de dados associados a áreas irregulares, adequação dos dados a distribuição de probabilidade não gaussiana e incorporação de características da variografia a modelos tradicionais de previsão de demanda por viagens. Finalmente, são apresentados os temas futuros, com perspectivas de estimativas ainda melhores em cinco anos, através da realização de três doutorados, um mestrado, além de um projeto de pós-doutorado no exterior. Como conclusão geral dos resultados já obtidos, o uso da geoestatística fornece uma superfície contínua de estimativas de variáveis de demanda por transportes. Dado que não é possível ser obtido através de ferramentas tradicionalmente utilizadas. O uso dos mapas krigados, associados a técnicas de geoprocessamento, pode configurar a obtenção de dados de demanda por transportes exatamente nos domicílios existentes, com pouca informação previamente necessária.
Título em inglês
Geostatistics applied to travel demand issues
Palavras-chave em inglês
Kriging
Travel demand modelling
Travel mode choice
Trip generation
Variogram
Resumo em inglês
Individual travel behavior is influenced, among several other factors, by locational attributes, and spatial analysis of travel demand is strongly recommended. From the main hypothesis that spatial location influences travel demand variables, the research line called Applying geostatistics to travel demand issues has been proposed since 2008. Thus, in this text, the main studies related to the research line, carried out in recent years, are summarised. A critical analysis of the results of twelve studies, classified according to two major themes is made: Applying geostatistics to trip generation and to travel mode choice. The studies described are Master's dissertations, scientific papers published in national and international journals and papers presented at national and international conferences. Contributions and advances to improve the estimates are listed in addition to the scientific and technological challenges to overcome current methodological limitations, such as: using aggregated data associated with irregular areas, adequacy of non-Gaussian distribution variables and including variogram features in traditional travel demand forecasting. Finally, future topics are presented, with prospects of even better estimates in five years, by conducting three doctorate degrees, a Master's degree and a post-doctoral project. As the general conclusion from the results already obtained, the use of geostatistics provides the continuous surface of travel demand estimates. This output cannot be obtained using traditional tools. By using kriging maps related to geoprocessing techniques, travel demand data can be obtained from existing households, with little previous information.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2017-05-23
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
CeTI-SC/STI
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2020. Todos os direitos reservados.