• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Mémoire de Maîtrise
DOI
10.11606/D.48.2017.tde-28062017-142656
Document
Auteur
Nom complet
Marina Bulbow Gozzi
Adresse Mail
Unité de l'USP
Domain de Connaissance
Date de Soutenance
Editeur
São Paulo, 2017
Directeur
Jury
Colello, Silvia de Mattos Gasparian (Président)
Lucas, Maria Angelica Olivo Francisco
Santos, Sandoval Nonato Gomes
Titre en portugais
O uso da pontuação na escrita infantil: uma abordagem longitudinal
Mots-clés en portugais
Correção textual
Ensino da escrita
Língua escrita
Produção textual
Reescrita
Sistema de pontuação
Resumé en portugais
A pontuação é parte integrante da língua escrita e sua aprendizagem significa uma importante construção cognitiva que favorece as práticas do ler, escrever e interpretar. Fazer uso de marcas pontuacionais em um texto pressupõe uma certa consciência linguística na composição discursiva e na organização textual. Tendo como pressupostos que a aprendizagem da leitura e da escrita é um direito de todo cidadão brasileiro e que essa habilidade deve ser desenvolvida em âmbitos escolares (incluindo a assimilação de recursos linguísticos como a pontuação), a presente pesquisa tem por objetivo analisar de que forma a pontuação aparece nas produções infantis de um grupo de alunos de Ensino Fundamental e como ocorre a progressão desse uso em um período-chave para o caso estudado, qual seja: do 2º semestre do 3º ano ao 1º semestre do 5º ano. Para isso, por meio de uma pesquisa qualitativa longitudinal, foi realizado o estudo de caso que envolveu o acompanhamento de um grupo de 12 alunos de uma escola estadual, localizada na Região Leste da cidade de São Paulo. Nas quatro etapas da coleta (realizadas com intervalos de seis meses), foram propostas duas atividades para posterior análise: reescrita e correção textual. Ancorada nas concepções interacionistas e construtivistas de língua, ensino e aprendizagem, a análise dos dados permitiu verificar que o grupo de alunos estudado incorporou gradualmente as marcas de pontuação, evidenciando modos de apropriação relacionados à frequência e à convencionalidade das construções linguísticas mais usuais, havendo, no entanto, espaço para experimentações pessoais e hipóteses endógenas de formas mais ou menos sistematizadas. Esse dado corrobora a ideia de que, no esforço cognitivo para compreender a escrita, as crianças são capazes de levantar hipóteses sobre o uso da pontuação; é por meio desses usos singulares que vão, gradativamente, compreendendo a função de cada marca pontuacional e fazendo as sistematizações necessárias. Foi possível constatar, também, que, durante a sucessão dos anos escolares, a progressão do uso da pontuação manteve um certo paralelismo nos diferentes tipos de atividade, o que comprova a ideia de que a compreensão sobre o papel das marcas pontuacionais pode ser transposta para diferentes práticas de escrita. Em que pese o interesse pedagógico dessa aprendizagem, consubstanciada cada vez mais pelo uso sistemático e convencional da pontuação, questiona-se o quanto ela pode se contrapor à postura de um escritor que, conformando-se com as regras, deixa de se arriscar na produção textual.
Titre en anglais
The use of punctuation in children's writing - a longitudinal approach
Mots-clés en anglais
Punctuation system
Rewriting
Teaching of writing
Textual correction
Textual production
Written language
Resumé en anglais
The punctuation is an integral part of the written language and its learning means an important cognitive construction which favors the practices of reading, writing and interpreting. Making use of the punctuation marks in a text assumes a certain linguistic awareness in both the discursive composition and textual organization. Starting from the assumptions that learning reading and writing is a right of every Brazilian citizen and that these skills must be developed in the school spheres (including the assimilation of linguistic resources as the punctuation), the present research aimed to analyze how the punctuation appears in the children's productions of a group of elementary school students and how the progression of such use happens in a "key-period" for the case studied: from the 2nd semester of the 3rd grade/year to the 1st semester of the 5th grade. To do so, by means of a qualitative longitudinal research, it was conducted a case study which involved the monitoring of a 12student group from a state school, located in the East side of the São Paulo. n the four stages of collection (held every six months), two activities were proposed for further analysis: rewriting and textual correction. Anchored in the constructivist and interactionist concepts of the language, teaching and learning, data analysis has allowed us to see that the group of students which was studied, gradually incorporated the punctuation marks, revealing modes of incorporation related to frequency and the conventionality of the most usual language constructions, there is however, space for personal trials and endogenous hypothesis in more or less systematized ways. This information supports the idea that, in the cognitive effort to understand the writing, the children are able to raise hypothesis about the use of the punctuation; it is through these singular uses that they will gradually understand the function of each punctuation mark and do the necessary systematizations. It was also possible to conclude, that during the succession of the school years, the progression of the punctuation use kept a certain parallelism in the different activity types, which proves that the understanding about the role of punctuation marks can be transposed to different writing practices. Despite the pedagogical interest of this learning, increasingly substantiated by the regular and conventional use of punctuation, we wonder how it can contrast with the posture of an writer who, conform edwith the rules, stop taking chances on textual production.
 
AVERTISSEMENT - Regarde ce document est soumise à votre acceptation des conditions d'utilisation suivantes:
Ce document est uniquement à des fins privées pour la recherche et l'enseignement. Reproduction à des fins commerciales est interdite. Cette droits couvrent l'ensemble des données sur ce document ainsi que son contenu. Toute utilisation ou de copie de ce document, en totalité ou en partie, doit inclure le nom de l'auteur.
ANEXOS_rev.pdf (403.42 Kbytes)
dissertacao_rev.pdf (5.12 Mbytes)
scanner.pdf (96.60 Kbytes)
Date de Publication
2017-07-10
 
AVERTISSEMENT: Apprenez ce que sont des œvres dérivées cliquant ici.
Tous droits de la thèse/dissertation appartiennent aux auteurs
CeTI-SC/STI
Bibliothèque Numérique de Thèses et Mémoires de l'USP. Copyright © 2001-2020. Tous droits réservés.